Olimpíadas: Gabriel Medina e Italo Ferreira dão show e estão nas semifinais do surfe

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Gabriel Medina e Italo Ferreira estão na semifinal do surfe olímpico nos Jogos Olímpicos de Tóquio. O mar em Tsunigasaki cresceu, ofereceu ondas maiores e mais velozes, e os brasileiros não desperdiçaram. Foram duas atuações de gala nas quartas de final, com direito às duas melhores ondas e notas de bateria até agora na competição.

Com o resultado, eles garantem ao menos o bronze para o Brasil, uma vez que, caso ambos percam na semifinal, estarão na disputa pelo terceiro lugar. Mas o desempenho dos dois reforçou a expectativa pela classificação de ambos para a primeira final do surfe olímpico.

- Achávamos que seria marola, mas o mar está com altas ondas, está grande e dá para ficar arriscando. Estamos apresentando um surfe bom. Agora é continuar nessa vibe e vai dar tudo certo. É um sonho, é o meu objetivo estar na final e se Deus quiser ganhar essa medalha de ouro. Toda bateria é dificil, vamos para cima - afirmou Medina ao SporTV.

Medina caiu no mar primeiro e venceu bem o francês Michel Bourez. Conseguiu uma onda nota 9 e fechou a bateria com incríveis 15.33. Na sequência, veio Italo e elevou ainda mais o sarrafo. No baile que deu contra o japonês Hiroto Ohhara, conseguiu uma onda 9.73, quase perfeita, e somou 16.30 na bateria, a maior nota em toda competição.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos