Olimpíada: Bruno Fratus conquista medalha de bronze nos 50m livre

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Água mole em pedra dura tanto bate até que fura. Não há ditado melhor para representar a conquista de Bruno Fratus nos 50m livres. Depois de chegar na final em 2012 e em 2016 e não conseguir ficar entre os três melhores, o nadador finalmente conseguiu a tão buscada medalha olímpica. Em Tóquio, conquistou o bronze que fez o Brasil igualar o desempenho em Londres, com dois pódios na natação.

Com a marca de 21s57, o velocista melhorou sua marca em relação aos 21s67 das quartas e os 21s60 da semifinal. Completando o pódio, estiveram o norte-americano Caeleb Dressel, que confirmou o favoritismo e levou o ouro batendo 21s07 — ultrapassando o recorde olímpico de César Cielo —, e o francês Florent Manaudou, que levou a prata.

Essa foi a 16ª conquista do Brasil na natação em todas as edições dos Jogos Olímpicos, e a segunda em Tóquio. A primeira nessas Olimpíadas foi conquistada por Fernando Scheffer, nos 200m livres.

Essa foi a 16ª conquista do Brasil na natação em todas as edições dos Jogos Olímpicos, e a segunda em Tóquio. A primeira nessas Olimpíadas foi conquistada por Fernando Scheffer, nos 200m livres.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos