Oito gols em quatro jogos: quarteto do Peixe se destaca na Seleção sub-17

Russel Dias

A Seleção Brasileira sub-17 deixou o Torneio de Montaigu, na França, sem ter muito o que comemorar. O Brasil saiu da competição nesta segunda-feira com a 5ª colocação. O Santos, no entanto, que cedeu seis atletas para a Seleção, voltou com um bom saldo de gols na bagagem.

Os atacantes Rodrygo e Yuri Alberto marcaram três gols, cada, em quatro partidas.O meia Lucas Lourenço fez um tento e deu uma assistência, enquanto o lateral-direito Sandro também fez um.

Rodrygo, que usou a camisa 11, deixou os dele contra Dinamarca, Camarões e Estados Unidos. Yuri, além de balançar as redes três vezes, também deu três assistências.

- Nosso grupo formado por jogadores 2001 é muito forte e teve uma evolução muito grande ao longo do campeonato. Infelizmente, não conseguimos brigar pelo titulo, mas tivemos um ótimo desempenho no geral. Nós, do Santos, trouxemos nosso entrosamento desde o sub-13 do clube para esse torneio com a Seleção. E isso fez a diferença. Sem dúvidas, isso me ajudou muito para ser um dos artilheiros da equipe no torneio - disse Yuri Alberto, que negocia seu primeiro contrato profissional com o Peixe.

Considerado uma das principais joias do Santos, Rodrygo também trata com o clube sobre seu vínculo profissional. Representantes da empresa Un1que Football, que cuidam de sua carreira, estarão no Brasil nos próximos dias para dar sequência às tratativas.

Os outros dois santistas, o zagueiro Kaique e o volante Victor Yan, também participaram dos quatro jogos da Seleção Brasileira.









E MAIS: