Oeste é mais competente e vence Guarani em jogo de cinco gols na Série B

Futebol Latino
LANCE!
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução


Público bom, feriado ensolarado, torcedor disposto a apoiar... tudo parecia favorável ao Guarani em jogo de suma importância contra o Oeste pela Série B no Brinco de Ouro. Todavia, o time visitante foi muito eficiente no plano de ataque e faturou os três pontos triunfando por 3 a 2.

Além do marco em obter a primeira vitória na atual edição da segundona fora da Arena Barueri, o time do técnico Renan Rocha agora não está mais no Z4 ocupando a 16ª posição com 23 pontos. O Bugre, afundado na última posição, tem 19.

QUE COMEÇO!

Logo na primeira estocada do time de Barueri pelo lado esquerdo, Bruno Lopes saiu com liberdade pra cruzar em diagonal visando a infiltração de Fábio. Após a "furada" do camisa 9, Roberto foi bem ao dominar e já bater de perna esquerda no canto direito de Kléver. Placar aberto logo aos dois minutos.

GRANDE TRAMA, GRANDE GOL

Se o Oeste quase conseguiu deixar a contagem ainda mais ampla com Roberto mandando por sobre o ângulo direito de Kléver, em troca de passes insinuante combinada a movimentação precisa do ataque bugrino, saiu a igualdade com 22 minutos. Em tabela onde Bady carregou a marcação para a linha lateral e acertou uma bela enfiada, Arthur apareceu em condições de bater rasteiro, passando por Luis Carlos.

ALTO NÍVEL

Sem se "abalar" pelo tento sofrido, o Oeste seguia tendo paciência e, ao mesmo tempo, precisão para explorar os erros da equipe anfitriã para usar as laterais e levar perigo suficiente para, de novo, ficar à frente do placar. Em bola invertida por Roberto, o lateral-esquerdo Alyson levantou a cabeça e jogou na medida para a testada de Fábio. A bola foi tão no canto esquerdo que Kléver permaneceu estático, somente observando o segundo tento do Rubrão.

CHANCE DAQUELAS IMPERDÍVEIS!

Aos 44 minutos, na última grande oportunidade do Guarani chegar novamente ao empate, Thalysson subiu pelo lado esquerdo e cruzou no miolo da pequena área adversária para Bady, com liberdade pra finalizar, acertar embaixo da bola e desperdiçar uma excelente chance de igualdade para desespero de boa parte torcedores presentes no Brinco de Ouro da Princesa.

















A FLOR DA PELE

Com absoluta necessidade de buscar o resultado em casa, a tentativa de acelerar o jogo do Bugre principalmente usando o lado esquerdo na dobradinha Thallyson - Davó se confundia diversas vezes com excessiva pressa. Além de muitos passes errados, com exceção de chute dado por Davó quase sem ângulo, a paciência do torcedor notoriamente ia acabando em clima que se tornava cada vez mais tenso.

CATEGÓRICO ALÍVIO

Na bola rolando a coisa estava difícil, mas, com ela parada, Arthur esbanjou categoria e precisão com 16 minutos para "desentalar" a equipe da casa. em falta próxima a meia-lua da grande área do Oeste, o camisa 8 bateu exatamente no ângulo de Luis Carlos que até pulou bem, mas se viu em uma batida indefensável que estufou as redes.

FILME REPETIDO

Mais uma vez o Guarani sofria para chegar a igualdade e, em um "cochilo", acaba poucos minutos depois ficando novamente com a missão de buscar o resultado. Em roubada rápida de bola com Thiaguinho mais atento do que Filipe Cirne, ele acionou Bruno Gonçalves já dentro da grande área e o atacante fez bem o trabalho de pivô girando na marcação e batendo forte, no alto, vendo ela beliscar o travessão e entrar.










Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também