Odegaard está desolado com a perspectiva de deixar o Real Madrid, mas vê fila de interessados em contratá-lo

Rodrigo Salomao
·3 minuto de leitura

Exclusivo - Martin Odegaard parece estar de coração partido com a perspectiva de deixar o Real Madrid nesta próxima janela de verão, após ter sido colocado à disposição para transferência pelo campeão espanhol.

O Real disse ao norueguês não está nos planos do clube e procurará um destino para vendê-lo no final da temporada, depois de não ter conseguido se estabelecer no elenco comandado por Zinedine Zidane.

Poucas chances, pouco futebol. Odegaard não se firmou no confuso Real Madrid nesta temporada. | Quality Sport Images/Getty Images
Poucas chances, pouco futebol. Odegaard não se firmou no confuso Real Madrid nesta temporada. | Quality Sport Images/Getty Images

O meia foi emprestado a quatro clubes diferentes desde que ingressou quando era adolescente, em janeiro de 2015, e o Real está disposto a deixá-lo ir como parte da planejada reconstrução. E, embora Odegaard esteja chateado que seu sonho de se tornar um jogador constante no time titular do Real Madrid possa terminar em breve, ele tem uma boa idéia de onde gostaria de ir em seguida.

Fontes vinculadas ao 90min da Inglaterra sinalizam que o jogador de 22 anos gostaria de se transferir para a Premier League caso de fato deixe o time merengue, depois de findar seu contrato de empréstimo com o Arsenal.

Os Gunners, por sua vez, não escondem que gostariam de tornar a mudança permanente, embora as finanças sempre tenham sido uma preocupação e não tenham sido ajudadas pela derrota em casa por 3 a 0 para o Liverpool, no sábado à noite. O resultado deixa o Arsenal em nono na tabela, atrás de Everton, Tottenham e West Ham.

Com apenas oito jogos pela frente, a equipe de Mikel Arteta corre o risco de perder completamente uma vaga numa competição europeia - bem como o impulso financeiro que vem com ela - devido à sua posição no campeonato. Como solução, talvez, pode ser ter que se concentrar totalmente em vencer a Liga Europa, uma competição que também conta com o Manchester United, para seguir num torneio continental m 2021/22.

O Real está esperando uma proposta de 40 milhões de libras para Odegaard e o próprio jogador exigiria um salário de 200.000 libras por semana, colocando o Arsenal em uma posição difícil para selar uma transferência sem o impulso financeiro que a qualificação para a Europa traria.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

O contato também foi feito com pelo menos três dos rivais da Premier League sobre Odegaard nas últimas semanas, então o Arsenal pode não estar sozinho na tentativa de mantê-lo no final da atual campanha. Também há grande interesse nele de fora da Inglaterra, com Paris Saint-Germain e Inter monitorando a situação. Odegaard, entretanto, parece não estar interessado em uma mudança para a Itália, estando ciente de que tem várias opções sobre para onde ir em seguida e está preparado para tomar seu tempo na decisão de seu próximo movimento.