'O vestiário ficou um velório', revela Bruno Henrique sobre derrota no Fla-Flu

LANCE!
·1 minuto de leitura


O Flamengo, hoje, ocupa a quarta colocação do Campeonato Brasileiro e se vê mais distante do sonho do octacampeonato. O último jogo, por exemplo, foi "frustrante". Sobre a derrota de virada para o Fluminense, assim definiu Bruno Henrique, em entrevista coletiva concedida nesta sexta-feira, antes do treino no Ninho do Urubu.

- Frustrante. Tristeza de poder encostar no São Paulo e não ter vencido o jogo. Foi um jogo que ficamos tristes, o vestiário ficou um velório. Vamos trabalhar para fazer um grande jogo domingo, acertar o que temos que acertar, não cometer erros para conseguir as vitórias daqui para frente.

Dentre outros temas (veja aqui), Bruno Henrique também falou sobre o peso da ausência da torcida no Maracanã, em virtude da pandemia de Covid-19 - para se ter uma ideia, sem a Nação, o Flamengo tem o pior aproveitamento como mandante no Brasileirão desde 2015.

- A gente perdeu nosso 12º jogador que é a torcida. Nos momentos que mais precisamos de um incentivo, de um apoio, não conseguimos vencer os jogos, as decisões, e tenho certeza que se tivéssemos com os torcedores no estádio conseguiríamos as viradas. Não ter a torcida no Maracanã, todo time que vem jogar contra o Flamengo vem solto, vem até melhor do que quando enfrentam outros times. Perdemos nossa maior virtude que foi a torcida.

> Confira e simule a tabela do Campeonato Brasileiro

A diferença do Flamengo para o líder São Paulo permanece sendo de sete pontos. Ainda com um jogo a menos, o Flamengo volta a campo neste domingo, às 16h, para enfrentar o Ceará, no Maracanã. A partida é válida pela 29ª rodada do Brasileirão e terá transmissão em Tempo Real do LANCE!.