'O VAR agiu muito mal': presidente do São Paulo reclama da arbitragem após empate contra a Chapecoense

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


Nesta quarta-feira (16), o São Paulo empatou em 1 a 1 com a Chapecoense, no Morumbi, pela quarta rodada do Brasileirão. O jogo, porém, ficou marcado por uma polêmica envolvendo a arbitragem, quando, aos 41 minutos do primeiro tempo, Rodrigo Nestor foi expulso após recomendação do VAR. Nas redes sociais, o presidente do clube, Julio Casares, protestou contra a decisão.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.


CONFIRA A TABELA ATUALIZADA E SIMULE OS JOGOS DO BRASILEIRÃO DE 2021!

Casares usou sua conta no Instagram para fazer uma reclamação em relação à arbitragem da partida e à expulsão, em seu ponto de vista, equivocada de Rodrigo Nestor.

- Não sou de falar de arbitragem, mas hoje não poderia ser diferente. O VAR agiu muito mal à falta de critério ao chamar o árbitro para um lance em que o amarelo estava de bom tom. Você tirar um jogador no primeiro tempo é desequilibrar tecnicamente a partida, não é desculpa. Lamentamos, protestamos e esperamos que isso mude e que tenha um critério único em cada jogo – protestou o presidente.

No momento da expulsão, o Tricolor vencia a partida por 1 a 0 e dominava o controle das ações no campo de ataque. Com um a menos, o time viu seu adversário crescer no jogo e, no segundo tempo, chegar ao empate.

Com o placar de 1 a 1, o São Paulo segue sem vencer uma partida no Campeonato Brasileiro após quatro rodadas. O time soma, ao todo, dois pontos de 12 disputados.

O próximo compromisso da equipe é um clássico diante do Santos, no próximo domingo (20), na Vila Belmiro. O duelo vale pela quinta rodada do Brasileirão.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos