O que mudou no Crystal Palace com chegada de John Textor, novo investidor do Botafogo? L! explica

·3 min de leitura


Próximo de se tornar investidor do Botafogo, o americano John Textor, de 56 anos, vem expandindo seus negócios para o mundo do futebol. Além do clube carioca, o empresário também é um dos donos do Crystal Palace, da Inglaterra. Em agosto, Textor acertou a compra de 18% da instituição londrina e virou um dos sócios do clube, que conta ainda com os acionistas Josh Harris e David Blitzer, além do presidente Steve Parish.

>>> Americano assina com Botafogo: veja quem já virou SAF no Brasil e quem está a caminho

Segundo a mídia inglesa, o valor pago por ele foi de 87,5 milhões de libras (R$ 630 milhões, na cotação da época), aporte maior que os R$ 410 milhões para comprar a SAF do Botafogo. Uma das promessas de John Textor foi a de investir na reforma do Estádio Selhurst Park, a casa do Crystal Palace. Inaugurado há quase um século, em 1924, o palco já passou por algumas obras, mas desta vez terá uma remodelação ainda maior.

O projeto, que foi aprovado em 2018, prevê o aumento da capacidade do estádio de 25 mil para 34 mil espectadores. O valor investido por John Textor, de acordo com informações de portais ingleses, será de 82 milhões de libras (R$ 621 milhões, na cotação atual).

>>> Conheça John Textor, empresário norte-americano que está próximo de comprar a SAF do Botafogo

Selhurst Park, estádio do Crystal Palace
Selhurst Park, estádio do Crystal Palace

O Selhurst Park é o estádio do Crystal Palace (Divulgação / Crystal Palace)

Outro ponto em que o empresário estadunidense se comprometeu a ajudar é no pagamento da dívida do Crystal Palace. O clube inglês sofreu bastante com a pandemia da Covid-19, precisou pegar empréstimos e hoje tem um passivo de cerca de 84 milhões de libras (R$ 636 milhões).

Assim que chegou, John Textor encontrou o Crystal Palace no meio da janela de transferências do verão europeu, quando as equipes investem pesado na montagem do elenco. E com o apoio do empresário, as Águias gastaram cerca de 63 milhões de libras (R$ 445 milhões) na aquisição de cinco atletas. Além deles, outros três chegaram sem custos.

Manchester United x Crystal Palace - Cristiano Ronaldo e Marc Guéhi
Manchester United x Crystal Palace - Cristiano Ronaldo e Marc Guéhi

Marc Guéhi marcando Cristiano Ronaldo: zagueiro foi a contratação mais cara do mercado (PAUL ELLIS / AFP)

O investimento do novo dono do Botafogo na chegada ao Crystal Palace foi além das contratações. Textor ajudou a custear parte das obras do centro de treinamentos da equipe. As melhorias já estavam em andamento desde antes de sua chegada, mas foram finalizadas somente no fim de outubro. Ao todo, desde o início, 20 milhões de libras (R$ 154 milhões) foram investidos pelo clube.


Esta notícia pode animar também o torcedor botafoguense. O clube carioca tem em andamento obras no Espaço Lonier, na Zona Oeste do Rio de Janeiro. O local será o novo centro de treinamentos da equipe alvinegra, que deverá receber investimento de John Textor. Para efeitos de comparação, as obras no CT do Crystal Palace elevaram as instalações do time londrino para a Categoria 1 de avaliação da Premier League.

*Estagiário sob a supervisão de Victor Mendes

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos