O que é a associação mundial de clubes? Quais times fazem parte?

Flamengo poderá participar do grupo ao lado de Real Madrid, Milan, Boca Juniors e River Plate; associação foi criada para acompanhar Mundial de 2021
Flamengo poderá participar do grupo ao lado de Real Madrid, Milan, Boca Juniors e River Plate; associação foi criada para acompanhar Mundial de 2021

Presidente do Real Madrid, idealizador e líder da associação mundial de clubes, Florentino Pérez estaria interessado em incluir dois times brasileiros no grupo. E, de acordo com o Uol Esportes, o Flamengo aparece como o clube nacional de maior destaque e principal candidato para uma das vagas.

Com as futuras mudanças no Mundial Interclubes, a associação foi criada em novembro de 2019 com o intuito de conversar com a Fifa sobre o torneio, que a partir de 2021 será disputado com 24 equipes. O grupo poderá influenciar diretamente na montagem de um calendário de competições que ultrapassam as fronteiras nacionais. Este é um dos principais pontos para o Real e outros clubes participantes se interessarem financeiramente em um campeonato mundial comparado com os torneios locais.

O que é a associação mundial de clubes?

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

O principal objetivo da associação é acompanhar de maneira próxima a organização do Mundial Interclubes da Fifa de 2021, o qual terá pela primeira vez o formato com 24 times, proposto justamente pela Fifa. Até então, nenhum time brasileiro faz parte do grupo.

Quais times fazem parte?

A associação de clubes conta com oito membros, das seis confederações filiadas à Fifa: o espanhol Real Madrid e o italiano Milan (Europa), os argentinos River Plate e Boca Juniors (América do Sul), América do México (Américas do Norte e Central), Mazembe da República Democrática do Congo (África), o chinês Guangzhou Evergrande (Ásia) e o Auckland City da Nova Zelândia (Oceania).

Flamengo

Apesar da derrota por 1 a 0 para o Liverpool, no Mundial, a ida do Flamengo ao Qatar rendeu ao time carioca contatos acerca da associação mundial de clubes.

Com o vice-campeonato, o Flamengo é forte candidato brasileiro a participar da associação englobaria todos os continentes.

Leia também