"O legado que deixamos é de não desistir", diz Eduardo Baptista

Técnico saiu principalmente por causa da pressão pelo retorno de Cuca, que acabou de ser demitido também

Eduardo Baptista crê que a vitória do Palmeiras sobre o Jorge Wilstermann, na noite desta quarta-feira (15), deixa um legado importante para a equipe paulista.

O treinador espera que, após o triunfo obtido no Allianz Parque, em São Paulo, os jogadores mantenham esta forma de atuar nos próximos compromissos:

"Hoje, os times que você enfrenta, tanto na Libertadores, quanto no Paulista, vêm fechados aqui no Allianz Parque. O legado que a gente tem que deixar é o que aconteceu hoje. Não desistir, não desesperar. Às vezes, a parte técnica não vai funcionar, mas você não pode se omitir de buscar o resultado, colocar o adversário no campo dele", disse em entrevista coletiva.

"Hoje, eu não peguei os números ainda, mas roubamos muitas bolas na saída de bola deles. Essa identidadae e esse espírito a gente tem que levar para o resto do ano. A torcida tem que vir junto conosco", acrescentou.