O dia em que Ronaldo Fenômeno precisou de 15min para cancelar substituição no Real

Goal.com

Ronaldo Fenômeno é um personagem lendário do futebol. Além de ter sido um dos maiores atacantes da história, o atual presidente do Valladolid, da Espanha, possui uma série de histórias que certamente fazem parte do folclore que envolve o esporte. E, Antonio Cassano, companheiro do camisa 9 no Real Madrid, revelou mais uma dessas histórias. 

Em entrevista ao Corriere dello Sport, o ex-jogador italiano contou sobre um episódio em que o clube merengue estava perdendo uma partida e Ronaldo seria substituído no intervalo. Porém, o bicampeão da Copa do Mundo pediu apenas 15 minutos para mudar a opinião do treinador. E conseguiu.

"Estávamos perdendo por 1 a 0 em casa. Todo o estádio estava vaiando, especialmente ele [Ronaldo]”, lembra Cassano. “No vestiário, o treinador decide tirar Ronnie para colocar Van Nistelrooy”.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

“Então, Ronaldo interrompe o treinador e diz: 'Não. Pode me tirar daqui a 15 minutos se eu não marcar dois gols’. Minuto 15: 2x1 com dois gols de Ronaldo”.

Ronaldo Nazario Real Madrid 06122003
Ronaldo Nazario Real Madrid 06122003
Foto: Getty Images

Cassano conta que jogar ao lado do Fenômeno era algo espetacular e que, por conta episódios como esse, ele considera o brasileiro um verdadeiro deus do futebol. Ele também considerava Ronaldo como o melhor jogador da história, mas Lionel Messi mudou sua opinião.

“Eu disse que se existe um deus do futebol, é Ronaldo. Então descobri que Messi está acima dele”, revelou. 

O italiano também disse que Messi está acima de Maradona. Para ele, a consistência do camisa 10 do Barcelona é algo incrível e o coloca no topo dos melhores jogadores da história.

Lionel Messi Barcelona Real Madrid 2016-17
Lionel Messi Barcelona Real Madrid 2016-17
Foto: Getty Images

"Maradona fez coisas nunca vistas antes por quatro ou cinco anos, mas Messi faz as mesmas coisas por 15 anos", explicou o italiano. "Ele fez mais de 710 gols e 300 assistências. Quando ele joga, o time já tem 1 a 0 no placar antes do jogo começar".

Sempre muito polêmico, Cassano possui passagens por diversos clubes italiano, como Sampdoria, Internazionale e Milan, além do Real Madrid. O ex-jogador também defendeu a seleção nacional de seu país por vários anos e acumula 151 gols na carreira.

Leia também