Novo técnico da Portuguesa, Mazola Jr. promete reforços de 'nível Série B': 'Conheço 85% dos jogadores de lá'


A Portuguesa iniciou, enfim, a sua preparação para a disputa do Campeonato Paulista de 2023, competição que marca a volta da tradicional equipe à elite estadual após oito anos de calvário na Série A-2. E o primeiro passo foi a contratação do técnico Mazola Júnior para substituir Sérgio Soares, demitido após a eliminação da equipe rubro-verde na Copa Paulista deste ano.

Durante sua apresentação oficial como novo comandante lusitano, Júnior mostrou otimismo e prometeu à torcida que ajudará na busca por reforços, principalmente de jogadores que tenham atuado na Série B do Campeonato Brasileiro, competição que disputou neste ano pelo Novorizontino.

- Vai se basear, mais ou menos, em jogadores da Série B do Campeonato Brasileiro, que é o campeonato que eu domino e conheço 85% de todos os jogadores. Vamos trabalhar. Estamos em um clube que a camisa é muito pesada. Volto a dizer, o quinto grande do estado de São Paulo. Isso é um atrativo para esses atletas da Série B. A Portuguesa é um clube gigantesco.

Na avaliação do novo treinador da Lusa, é natural que haja uma reformulação no elenco que conquistou o título da segunda divisão estadual deste ano.

- Os jogadores da Série A-2 que ficaram, ele ficaram porque a diretoria quis e eu também. É normal que haja essa mudança grande que houve, porque o campeonato da Série A-2 é de um jeito e o da A-1 é outro. Eu respeito muito essas situações. Os campeonatos são diferentes, automaticamente os jogadores são diferentes. Sabemos, principalmente, por não termos ainda o calendário nacional no segundo semestre, teremos uma dificuldade grande para montar o time que a gente quer.

Com os lusitanos receosos por esse retorno à elite depois de tanto tempo, Júnior assegurou que o objetivo é, acima de tudo, de fazer a torcida feliz nesse reencontro com os grandes do Estado.

- Fazer a torcida da Lusa ficar feliz. Isso é com a gente. É o compromisso: fazer com que a Portuguesa faça um campeonato extremamente competitivo, que volte a ser da tradição deste clube gigantesco. A Portuguesa sempre foi e deve voltar a ser o grande calo dos grandes clubes de São Paulo. E nós vamos, com certeza, fazer um grande trabalho aqui, abraçados, como se fosse uma nação.

+ Diretor do Flamengo abre o jogo sobre Gerson, São Paulo tem alvo para substituir Reinaldo… o Dia do Mercado!

Presidente Antônio Castanheira e técnico Mazola Júnior - Portuguesa
Presidente Antônio Castanheira e técnico Mazola Júnior - Portuguesa

Presidente Castanheira e Mazola Jr. (Foto: Dorival Júnior/Portuguesa)

TREINADOR RELEMBROU RAÍZES LUSAS

- Vou mandar uma letra para a torcida da Portuguesa: vamos parar de dizer que a torcida está machucada. Vamos pensar para frente. O projeto é grandioso, gigantesco. A torcida está machucada, mas vamos deixar no passado. Faz parte do passado. Vamos trazer de novo a alma Portuguesa aqui para dentro. Vamos, todo mundo, trazer a alma portuguesa, que é o coração a frente de tudo. Vamos abraçar mesmo. Chegou mais um português aqui. A gente vai abraçar o projeto e vamos colocar a Portuguesa onde ela deve estar - completou Mazola Júnior.

O novo treinador rubro-verde se refere à carreira como um todo. Mazola possui raízes muito fortes com a comunidade portuguesa, ainda quando jogador, atuou por cinco anos em solo português. O ex-atacante defendeu Portimonense, Mirandela, Sanjoanense e R. D. Águeda, até interromper a sua carreira por uma sequência de lesões graves.

- Eu estou em um clube de camisa pesada, o quinto grande clube de São Paulo. A Portuguesa é gigantesca! Por isso precisamos de todos, o projeto é grandioso, vamos trazer a alma portuguesa, que é o coração acima de tudo, que é o coração que quer ganhar, quer crescer, quer voltar a ser grande, a tristeza tem que estar longe daqui, a cobrança tem que ser forte, mas temos que ser positivos.

Mazola iniciou como técnico em 2003, em Portugal, no Futebol Clube do Marco, na sequência na Associação Esportiva Ovarense e Futebol Clube de Nelas. No Brasil, o Ituano, em 2009, foi a sua primeira experiência.

Suas conquistas mais recentes foram com Ituano e CRB. Em 2016, com o CRB, conseguiu um Campeonato Alagoano. No ano passado, com o time de Itu, Mazola conquistou o título da Série C do Campeonato Brasileiro com 70% de aproveitamento em 24 jogos.

Em 2021, no Paulistão, pela equipe de Itú, garantiu a classificação da equipe a Copa do Brasil, conquistou o título do interior e fez a quinta melhor campanha da competição estadual. Já na sequência da temporada 2022, disputou o Brasileirão Série B com o Novorizontino onde pegou a equipe com risco de descenso mas conseguiu manter o time na competição.

A Lusa se reapresenta com o elenco remanescente da Copa Paulista no dia 21 de novembro. Segundo a diretoria, contudo, antes disso diversos contatos já devem ter sido realizados para a efetivação da chegada de reforços. A Federação Paulista de Futebol ainda não divulgou as datas dos jogos.