Nova Vila Belmiro? Santos tem negociações avançadas para construir arena, afirma presidente

Antonio Mota
·3 minuto de leitura

O Santos tem negociações bem encaminhadas com a WTorre para a construção da arena que vai substituir o Estádio Urbano Caldeira, mais conhecido como Vila Belmiro, segundo o presidente praiano Andrés Rueda. Em live, o cartola comentou sobre o andar das conversas com a empresa e declarou que tudo tem caminhado bem.

"Estamos em negociações avançadas com a WTorre para a construção da nova arena no lugar do Estádio Urbano Caldeira. Tivemos várias reuniões e isso vai terminar agora numa próxima reunião do dia 20, onde vai ser apresentado pela WTorre o projeto 'final', a parte arquitetônica", afirmou Rueda, antes de explicar sobre os próximos passos:

Santos trabalha para construir um novo estádio. | Alexandre Schneider/Getty Images
Santos trabalha para construir um novo estádio. | Alexandre Schneider/Getty Images

"Vamos sentar e ajustar toda a parte comercial do projeto: 'Quanto vai custar? Quanto tempo vai demorar? Qual é a parte que vai ficar para o clube? Que percentual fica das receitas?' Qual o tempo de contrato?'. Ou seja, fechar todo esse modelo. Uma vez 'fechado', ele vai ser levado para o conselho, onde vai ser apresentado o que existe, vai ser aberto para o CD [Conselho Deliberativo] poder entrar com seus pedidos e emendas", acrescentou.

Para completar, Rueda explicou que os sócios participarão da decisão final do projeto. "Feito isso, novamente vamos adequar a parte comercial, porque muitas destas mudanças podem afetar o custo. Uma vez que isso esteja concluído e aprovado, a nossa ideia é que se faça uma assembleia dos sócios para aprovar ou não o projeto. É algo que compromete o clube por 20, 25 anos e é de suma importância o sócio ter sua opinião", concluiu.

Santos quer se reconectar com Neymar e Pelé

Santos busca se reaproximar de Neymar e Pelé. | Alexander Hassenstein/Getty Images
Santos busca se reaproximar de Neymar e Pelé. | Alexander Hassenstein/Getty Images

Em live, Andrés Rueda também falou sobre os trabalhos do Santos para se reaproximar de Neymar e Pelé. Sobre o camisa 10 do Paris Saint-Germain, o mandatário falou que o Peixe conversou com o atacante e que isso é muito bom para o todos os lados.

"Independente de qualquer coisa, [Neymar] é ídolo da torcida. Tivemos uma reaproximação com a família e com ele. Tive uma conversa com ele e vocês precisam ver a cara de felicidade dele ao ver que estava conversando novamente com o Santos. Ele pediu uma camisa branca com o nome dele atrás. A gente mandou e, na nossa final da Libertadores, ele fez questão de torcer pelo Santos com aquela camisa. Isso é importante para a internacionalização da marca."

Já em relação a Pelé, o dirigente destacou que houve uma reaproximação e que já há até projetos sendo pensados em parceria. "Era claro que a situação com o Pelé estava conturbada. A gente teve o cuidado para ter uma conversa muito carinhosa com ele e com o estafe dele no Brasil. Conversamos também com o presidente do fundo que administra a marca Pelé. Essas conversas foram muito importantes para restabelecer a aproximação e para, juntos, podermos ter projetos em conjunto de exploração das duas marcas. Estamos com projetos sendo desenvolvidos para explorarmos isto", finalizou.

As informações acima são do UOL Esporte.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique aqui.