Nos últimos seis jogos, Palmeiras finaliza quase cem vezes, mas faz apenas oito gols


O ataque palmeirense não vive um grande momento. Com uma grande indefinição sobre quem deve atuar como centroavante nas partidas, a equipe de Abel Ferreira tem dificuldade para marcar gols. O meio-campo, por outro lado, faz seu papel, ou seja, cria inúmeras oportunidades para a jogada ser finalizada.

Segundo levantamento feito pelo jornalista Thiago Salata, o Verdão deu, nos últimos seis confrontos, 95 chutes. Destes, no entanto, apenas oito entraram – contra Fortaleza, São Paulo e Athletico Parananese. No período, também, o clube conseguiu apenas duas vitórias.

O problema no ataque palmeirense é reflexo de um problema já reconhecido pelo treinador. Desde a sua chegada, Abel Ferreira pede à diretoria um centroavante para competir vaga com Luiz Adriano, que sofre constantemente com lesões. Ele, porém, recebeu apenas o reforço de Deyverson, que não vive boa fase na equipe paulista.

Com folga até o início de setembro, o Palmeiras entra em campo novamente apenas no dai 12 do próximo mês, contra o Flamengo, às 16h (horário de Brasília).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos