No chamado 'quarta e domingo', Atlético-MG deve ter sequência incrível de jogos de abril a agosto

Fabio Utz
·1 minuto de leitura

É bom se preparar, pois passado o aniversário a maratona tende a ser para lá de cansativa. O Atlético-MG, entre 18 de abril e 8 de agosto, deve fazer uma incrível sequência de partidas. E mais: sem uma semana sequer de intervalo entre um jogo e outro.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Com o Campeonato Mineiro paralisado e voltando apenas na próxima quinta-feira, o Galo precisará compensar a falta de datas. E a última semana inteira para treinos, recuperação física e descanso tem tudo para ocorrer após o clássico diante do Cruzeiro, dia 11 - a equipe voltará a campo no dia 18, frente ao Boa Esporte. Depois disso, com o time confirmando naturais classificações, o calendário aperta.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Levantamento do GE.Globo aponta que, se o Atlético-MG for às finais do Campeonato Mineiro e chegar às oitavas de final da Libertadores e da Copa do Brasil - algo dentro do previsto contando o investimento feito pela direção atleticana na montagem do grupo de atletas -, disputará 33 duelos em um período de 113 dias, ou seja, um compromisso a cada 3,4 dias. Será um intensivão do chamado "quarta e domingo". Sem contar uma possível participação no Mundial de Clubes, o Atlético-MG pode disputar, no máximo, 76 jogos na temporada de 2021.

Para mais notícias do Atlético Mineiro, clique aqui.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique ​aqui.