No apagar das luzes, Manchester United vence Fulham no último jogo da Premier League antes da Copa

Garnacho anota o gol da vitória do Manchester United (Foto: GLYN KIRK / AFP)


Vitória gigante! No último jogo da Premier League antes da pausa para a Copa do Mundo no Qatar, o Manchester United venceu o Fulham por 2 a 1 neste domingo, com gol salvador do jovem argentino Garnacho, já nos acréscimos. Eriksen abriu o placar para os Diabos Vermelhos no início e Daniel James anotou o gol dos donos da casa.

Com o resultado, o Manchester United se mantém na quinta posição, mas chega aos 26 pontos. Por outro lado, o Fulham "repete" o pesadelo que teve contra o City, de sofrer gol no fim. Os Cottagers seguem na nona colocação, com 19 pontos.

COMEÇOU COM TUDO
Jogando em casa, o time londrino começou apertando o Manchester United. A primeira grande chance veio logo aos quatro minutos em jogada pela esquerda, trabalhada por dois brasileiros. Willian acionou Carlos Vinícius, que finalizou forte e obrigou De Gea a fazer defesa difícil.

Aos oito, foi a vez do United responder. Após jogada de Rashford, o camisa 10 acionou Martial dentro da área, que finalizou para boa defesa do goleiro Leno.

+ Ídolo do Manchester United detona convocação de Maguire para Copa: 'Preocupante'

SAIU O GOL
Aos 14 minutos, o time de Manchester aproveitou a saída errada do Fulham pelo meio, com um belo desarme de Casemiro. Martial acionou Bruno Fernandes dentro da área, que assistiu Eriksen, na cara do gol, para abrir o placar em Londres, 1 a 0.

GOLEIROS SE DESTACAM
​Os donos da casa passaram a rondar a área do Manchester United, e o goleiro De Gea voltou a se destacar, em dois lances em que defendeu finalizações perigosas de Harry Wilson. Do outro lado, Leno salvou o que seria um gol certo de Martial.

+ Veja a tabela da Premier League

PAREDÃO
O segundo tempo começou com o Fulham pressionando, mas sem conseguir o gol de empate, graças à mais uma ótima atuação do goleiro De Gea, que impediu que o time londrino marcasse com várias defesas difíceis.

LEI DO EX
O Fulham finalmente chegou ao empate aos 26 da etapa final, com direito à "Lei do Ex". Daniel James, que havia acabado de entrar, recebeu ótimo cruzamento de Cairney e, na frente de De Gea, não errou e anotou o gol da igualdade no Craven Cottage, 1 a 1.

GAROTO FOI HERÓI
​No apagar das luzes, o jovem Garnacho, uma das grandes promessas do United, recebeu de Eriksen, escapou da marcação e chutou rasteiro para marcar o gol da vitória dos Diabos Vermelhos, praticamente no último lance da partida.