Mary Keitany bate recorde mundial e vence maratona de Londres pela 3ª vez

Londres, 23 abr (EFE).- A queniana Mary Keitany quebrou neste domingo o recorde mundial de maratona em provas com largadas separadas para mulheres e homens, que já durava 12 anos, com a marca de 2h17min01s, e foi campeã em Londres pela terceira vez na carreira.

Atualmente, a Federação Internacional de Atletismo (IAAF) divide as marcas nas maratonas femininas entre as corridas que tiveram largadas simultâneas com os homens e as que tiveram início separado.

Os dois recordes pertenciam à britânica Paula Radcliffe, ambos registrados também na maratona de Londres. Em 2003, com homens e mulheres juntos, ela completou o percurso em 2h15min25s; dois anos depois, já com começo da prova feminina antecipado em relação à masculina, o tempo foi de 2h17min42s, ou seja, 41s pior que o feito pela queniana neste domingo.

O pódio teve ainda duas maratonistas etíopes. A segunda posição ficou Tirunesh Dibaba, tricampeã olímpica e que cruzou a linha de chegada depois de 2h17min56s. O bronze foi para Aselefech Mergia (2h23min08s).

Na prova masculina, o queniano Daniel Wanjiru venceu, com a terceira melhor marca do ano, em 2h05min48s. O segundo colocado foi Kenenisa Bekele (2h05min57s), e o terceiro, Bedan Keroki (2h07min41s). Ambos são da Etiópia. EFE