Nick Diaz acusa Bisping de negar duelo em peso-casado

Nick Diaz não luta desde janeiro de 2015 - Reprodução/site UFC

Apesar de ainda não ter uma data e um local, a próxima defesa de cinturão de Michael Bisping será contra Georges St-Pierre, que retorna ao octógono depois de mais de três anos sem lutar. Mas ao que parece, o inglês teve a oportunidade de fazer outra luta antes de enfrentar GSP sem colocar o seu cinturão em risco. E recusou.

Em entrevista ao site ‘TMZ’, Nick Diaz revelou que conversou com Bisping sobre fazer um duelo no peso-casado, mas que o britânico acabou rejeitando o desafio. E na opinião do americano, a escolha de ‘The Count’ foi a pior financeiramente, pois ele poderia lhe enfrentar e ainda manter o seu cinturão para, posteriormente, encarar GSP.

“Você quer a verdade? Eu já falei com o Michael Bisping sobre fazer uma luta contra ele. Tem mais dinheiro para ele se ele me enfrentar. Estamos falando de uma luta no peso casado e ele falou que seria difícil bater o peso. Mas fala sério. Não valeria cinturão. Eu enfiaria a porrada nele e ele manteria o seu cinturão. Depois ele poderia ir enfrentar o GSP”, declarou.

Nick Diaz foi liberado para voltar a subir no octógono em agosto passado depois de cumprir um ano e meio de suspensão por um flagrante pelo uso de maconha. Aos 33 anos de idade, o americano coleciona na carreira um cartel com 26 vitórias, nove derrotas e duas lutas sem resultado.