Neymar se iguala a Ronaldo e se torna o segundo maior artilheiro da história da seleção

·1 minuto de leitura

Neymar fez o segundo gol do Brasil na partida contra a Venezuela, na estreia da Copa América 2021. O gol de pênalti foi o 67º marcado pelo jogador com a camisa da seleção brasileira. Com a marca, ele se igualou a Ronaldo e se tornou ao lado do Fenômeno, o segundo maior goleador da história da seleção.

Agora, Neymar está atrás apenas de Pelé, que marcou 95 gols em 115 jogos, entre partidas oficiais e amistosos. Ronaldo participou de 98 partidas, enquanto o jogo contra a Venezuela foi o de número 106 para Neymar.

Neymar deixou Zico para trás. Até então, eles estavam empatados com 66 gols. O Galinho, no entanto, precisou de 89 jogos para atingir a marca.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos