Neymar na liderança da corrida pela Bola de Ouro 2017?

Depois de mais uma grande atuação de Neymar com a camisa da Seleção Brasileira é impossível não pensar na Bola de Ouro. Será que, enfim, o brasileiro terminará com o reinado de Cristiano Ronaldo e Messi e conquistará o título de melhor do mundo no final do ano?

A evolução do camisa 10 é cada vez mais visível, a conquista da medalha de ouro nos Jogos Olímpicos do Rio foi o empurrão que faltava para que Neymar amadurecesse. Com uma grande responsabilidade nas costas ele conduziu um jovem e talentoso grupo ao único título que faltava à Seleção pentacampeã do mundo. 

A chegada do técnico Tite também foi importante para que o jogador desse um passo além na sua carreira. O treinador tirou o peso das costas de Neymar dividindo as responsabilidades com o grupo e permitindo que o atacante tivesse mais liberdade na equipe para colocar o melhor do seu futebol a serviço da Canarinho.

Gabriel Jesus e Neymar - Brasil x Alemanha 2008


(Foto: Pedro Martins / MoWa Press / Divulgação)

O bom momento se refletiu no Barcelona, apesar de ter começado o ano com poucos gols pelo time catalão, o brasileiro se viu mais coletivo e mais solidário com os companheiros. Outro ponto importante para Neymar que apesar do talento individual sabe e consegue jogar para o time não só na Seleção como também no clube.

No momento mais importante do Barcelona até aqui na temporada quem assumiu o protagonismo foi Neymar, ele foi o grande responsável pela histórica virada em cima do PSG, no Camp Nou. Com personalidade chamou a responsabilidade, colocou a bola onde a coruja dorme, bateu o pênalti decisivo e ainda deu uma assistência açucarada para Sergi Roberto sacramentar o "milagre". Foi a primeira vez que Neymar simplesmente ignorou Messi dentro de campo e foi o dono do Barcelona em um grande jogo.

Neymar Barcelona PSG Champions League 08 03 2017


(Foto: Getty Images)

Antes disso, o brasileiro havia enfrentando o argentino pelas Eliminatórias, em novembro do ano passado. No duelo entre os dois quem levou a melhor foi o brasileiro. Em uma noite inspirada driblou, brincou, fez um golaço e com autoridade ajudou o Brasil a vencer a Argentina por 3 a 0 num Mineirão lotado. Era a primeira vez que a Seleção volta naquele palco após os 7 a 1. Tudo conduzido de forma brilhante e madura pelo camisa 10.

Enquanto isso, Cristiano Ronaldo não vive o melhor momento de sua carreira. O Gajo que teve um 2016 brilhante se vê mais "humano" na briga pela artilharia no futebol mundial. Acostumado a fazer quase quarenta gols por temporada, o jogador do Real Madrid soma 13 tentos no ano contra 10 do brasileiro. Números que animam Neymar na corrida pela Bola de Ouro.

Neymar Brasil Paraguai Eliminatorias 2018 28032017


(Foto: MIGUEL SCHINCARIOL/AFP/Getty Images)

Na comparação entre Neymar, Messi e Cristiano Ronaldo no mês de março, o brasileiro soma seis jogos, seis gols e cinco assistências contra seis jogos, sete gols e três assistências de Lionel Messi. Por sua vez, CR7 soma os mesmos seis jogos com seis gols e duas assistências.

Com os campeonatos na Europa chegando em sua reta final e tanto Real Madrid quanto Barcelona fortes na briga pelo Espanhol e pela Champions League, Neymar terá a chance de desbancar a dupla que dominou o prêmio nos últimos dez anos. 

Cristiano Ronaldo, Lionel Messi & 20 Pemain Bergaji Tertinggi Di Dunia 2017

Um fator que pode pesar a favor do brasileiro é que Messi pegou uma suspensão de quatro jogos e perderá confrontos decisivos da seleção argentina. Já Cristiano terá ao seu lado a Copa das Confederações que será disputada em junho como mais uma oportunidade de brilhar e impressionar aqueles que votarão ao final do ano.

No mais, Neymar, o principal jogador da primeira seleção classificada para a Copa do Mundo da Rússia e a que vem apresentando o melhor futebol no momento tem totais condições de, ao final do ano quem sabe, ser eleito o melhor jogador do mundo pela primeira vez.