Neymar não esconde decepção com diretoria do Barça: 'Muito triste'

Neymar de olho: antigo clube do craque brasileiro segue na busca por um reforço renomado (Foto: Divulgação)

Nome do Paris Saint-Germain neste início de Campeonato Francês, Neymar não esqueceu o Barcelona. E, logo após o massacre comandado pelo camisa 10 diante do Toulouse, o brasileiro deu uma dura declaração quanto à diretoria do Barcelona, sua antiga equipe. Ele externou uma chateação, aos microfones.

- Não tenho nada a dizer para a diretoria do Barcelona. Para mim... Bom, na verdade tenho o que dizer: que estou muito triste com eles. Passei quatro anos lá e fui muito feliz. Comecei feliz, passei os quatro anos feliz e saí feliz. Mas não com eles. Para mim, eles não deveriam estar na diretoria do Barça. O Barça merece muito mais, e todo mundo sabe disso - comentou Neymar, completando:

- Ver meus ex-companheiros tristes me deixa triste também, porque tenho muito amigos. Espero que as coisas melhorem para o Barça. Que eles voltem a fazer um time que possa competir com os demais.

Neymar deixou o Barcelona após o PSG pagar a multa rescisória de 222 milhões de euros (cerca de R$ 821 milhões). O craque da Seleção Brasileira estava no clube catalão desde a temporada 2013/14. Em 2017/18, já são três gols e três assistências em duas partidas pela equipe parisiense.

A próxima partida do Paris Saint-Germain de Neymar será diante do Saint-Étienne, nesta sexta-feira, às 15h45 (de Brasília), novamente no Parque dos Príncipes - palco da última vitória. As duas equipes estão com nove pontos em nove possíveis, com o PSG liderando pelo quesito saldo de gols.







E MAIS: