Neymar, Gabigol e outros nomes do futebol lamentam a morte de MC Kevin

·2 minuto de leitura

Com a morte de MC Kevin na no noite do último domingo, as redes sociais se enxeram de mensagens de adeus ao funkeiro. Jogadores como Neymar, Gabigol e Vini Jr publicaram suas homenagens após o acidente que tirou a vida do joevem de 23 anos.

Ídolo de Kevin, Neymar disse estar "sem acreditar" na morte do funkeiro.

"Sem acreditar, 23 anos, moleque, juro que não sei o que dizer. Só agradecer pelo carinho que teve por mim, tattoo, camisa, fotos, quadros, chuteiras, camisetas e etc. Tínhamos combinado de nos conhecer agora nas minhas férias mas infelizmente não poderemos. Tenho certeza que ainda te abraçarei e te agradecerei por confiar em mim, na pessoa que eu sou. Vá em paz menino!!!", escreveu no Instagram o camisa 10 do PSG.

O brasileiro ainda compartilhou nos Stories mensagens trocadas pelos dois com planos de se conhecerem pessoalmente.

Gabigol e Richarlison também revelaram trechos de conversas com Kevin em suas despedidas ao funkeiro.

O atacante do Flamengo ainda disse: "Pode ter certeza que você estará para sempre no meu coração, obridado por tudo".

Atualmente no Real Madrid, Vini Jr compartilhou uma foto do cantor e escreveu: "Vai na paz meu mano! Que Deus abençoe toda sua família e amigos! Agradeço o carinho que você teve por mim. É difícil acreditar..."

Clube do coração de Kevin, o Santos também prestou suas homenagens:

"Nós lamentamos profundamente o falecimento do artista e torcedor santista Mc Kevin. Muita luz e muita força aos familiares e amigos neste momento tão triste", dizia a publicação no Twitter.

MC Kevin morreu depois de cair do quinto andar de um hotel na orla da Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio. De acordo com informações preliminares da Polícia Militar, o funkeiro teria tentado pular da varanda do quarto para a piscina e teria batido com a cabeça na borda. Ele morava em Mogi das Cruzes, em São Paulo, mas estava no Rio para um show.

Outros nomes do esporte como Hugo Souza, Vampeta e Marcos Braz, Kaio Jorge, Bruno Guimarães, e Falcão, do futsal, também publicaram sobre a morte do cantor nas últimas horas.