Neymar detona árbitro da semifinal e revela querer enfrentar a Argentina na final da Copa América

·1 minuto de leitura


Após Roberto Tobar encerrar a partida que acabou com vitória por 1 a 0 para o Brasil contra o Peru, na semifinal da Copa América, Neymar Jr não poupou críticas ao árbitro chileno.

Confira como estão hoje os jogadores alemães que presenciaram o 7 a 1

O camisa 10 da Seleção Brasileira sofreu três faltas, e criticou a postura do apitador durante os 90 minutos.

- O árbitro não pode fazer o que ele fez. É uma falta de respeito com todos os jogadores, a forma como ele fala, como olha e do que fala com os jogadores. Desde o primeiro minuto, fui conversar com ele, e ele foi muito arrogante. Acho que não é normal, as duas equipes reclamaram da forma como ele apitou a partida. Ele pode errar, acertar, isso faz parte, como nós jogadores também, mas a arrogância que ele teve hoje, não pode ser um árbitro de semifinal de Copa América. - disparou o craque.

Perguntado sobre quem ele gostaria de enfrentar na final da Copa América, o brasileiro não escondeu sua torcida.

- Eu quero a Argentina (na final). Estou torcendo. Tenho amigos na seleção argentina. E, na final, vai dar Brasil. - afirmou.

SIMULE OS DOIS ÚLTIMOS JOGOS E APONTE O CAMPEÃO DA COPA AMÉRICA

Por fim, Neymar comentou sobre a atuação de Lucas Paquetá. O meia do Lyon foi titular, na vaga do suspenso Gabriel Jesus, e foi um dos destaques da semifinal, marcando o gol da vitória da Seleção Brasileira após linda jogada do camisa 10.

- O Paquetá é um grande jogador, vem crescendo a cada partida, cada jogo que vem tendo pela seleção e por seu clube. Ele pode ser um grande jogador para a Seleção Brasileira, fico feliz pela atuação dele, é um craque. - disse Neymar.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos