Neto diz que 'jamais' trabalharia com Benjamin Back e que será presidente do Corinthians

LANCE!
·1 minuto de leitura

Em vídeo publicado em seu canal no YouTube, o apresentador Neto respondeu perguntas polêmicas de seus seguidores. Dentre as controvérsias, o ex-jogador disse que nunca trabalharia com o apresentador Benjamin Back, com quem ele cultiva uma desavença que chegou aos tribunais de justiça, que será presidente do seu time do coração, o Corinthians, e que Rogério Ceni é injustiçado no Flamengo. 

>> Ouça o 'Segunda Bola', o podcast do Yahoo com Alexandre Praetzel e Jorge Nicola

- Não, não trabalharia com o Benja. Não daria nada, absolutamente nada. Jamais trabalharia. Eu jamais - respondeu o apresentador no quadro "Neto Responde" publicado nesta terça-feira. Antes disso, o ex-atleta também falou que não daria um bom técnico mas que será presidente do Corinthians. 

Leia também:

- Eu não tenho vocação para ser treinador, nunca vou ser. Minha vocação é para ser presidente do Corinthians e é isso que eu vou ser. O próximo presidente do Corinthians sou eu - cravou o ex-jogador.

Neto também defendeu o técnico do Flamengo, Rogério Ceni, afirmando que ele é julgado pela sua carreira como jogador e não como comandante. 

- Eu acho que ele [Rogério Ceni] é capaz de ser campeão de novo. Eu acho que ele é muito criticado pela imprensa e pelo Flamengo, acho que é uma sacanagem que fazem com ele. Ele foi campeão brasileiro, campeão da Supercopa e não acreditam nele. Acho que vem muito do que era como jogador, né, um lobo solitário - concluiu Neto.