Neto dispara contra Globo e 'Craque do Jogo': 'Coisa ridícula'

Neto voltou a criticar o prêmio "Craque do Jogo", do Grupo Globo. Novamente eleito melhor campo na eleição popular da emissora carioca, Luan recebeu duras críticas do apresentador da Band pela atuação no empate contra o Juventude. O ex-jogador, porém, repudiou veementemente a continuidade do prêmio, que classificou como "ridículo". 

- Vocês, da Globo, fazem uma coisa tão ridícula de deixar as pessoas votarem (no Craque do Jogo), e todo jogo é o Luan. É feio isso. Não é legal. O que pode se comentar é que ele não está bem. É o que eu faço aqui - disse.

Leia também:

Em seguida, Neto não poupou Luan de críticas sobre seu desempenho pelo Corinthians. O camisa 7 entrou no segundo tempo no lugar de Renato Augusto.

- Todas as bolas que o Luan pegou, quando entrou… Não dá mais. Ele não tem mais condição psicológica. Ele errou todas as bolas. E todas de lado, sem força física. Ele tenta chutar uma bola de canela. E o Sylvinho é o culpado disso, o Flavinho (preparador físico) é o culpado disso, o Alessandro é o culpado disso. Tecnicamente, não dá mais. Ele não tem força para chutar e ganha R$ 800 mil por mês - começou o apresentador.

- Eu prometi para mim mesmo que não ia mais falar mal do Luan. Mas, Luan, para de jogar bola, irmão! Você não gosta de jogar. Você não gosta da bola, não faz nada com ela. Você entrou, pegou cinco vezes na bola e errou as cinco. Entrou no lugar do Renato Augusto, que não jogou bem, não tem problema. O Róger Guedes também não jogou bem, mas fez um gol de falta, mostrou personalidade, meteu caneta - completou.

A última terça-feira (7) marcou a estreia de Róger Guedes com a camisa corintiana. De falta, o novo reforço impediu a derrota do Corinthians para o Juventude. A partida terminou empatada por 1 a 1, na Neo Química Arena, pela 19ª rodada do Brasileirão.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos