Neto detona CBF e questiona: 'O que é Copa América perto de uma denúncia de assédio?'

·1 minuto de leitura


O apresentador Neto, da Band, tratou de repercutir o afastamento do presidente da CBF, Rogério Caboclo, na edição desta segunda-feira do 'Os Donos da Bola'. O ex-jogador detonou a entidade máxima do futebol brasileiro e questionou qual seria a relevância de uma Copa América perto de uma denúncia de assédio contra o dirigente.

+Baixe agora o app LANCE RESULTADOS

- A discussão sobre a Copa América é mais importante do que assédio? A cada oito minutos uma mulher é estuprada nesse país. E a gente preocupado com a Copa América? Copa América é água de salsicha. É um tirozinho, não um canhão. Não é nada em relação ao que essa mulher (assessora especial de Caboclo) sofreu pelos áudios divulgados - disparou.

Neto detonou os últimos mandatários da CBF - José Maria Marin, Marco Polo Del Nero e Ricardo Teixeira - todos investigados e punidos pela Fifa com banimento do futebol, e ainda disse que não quer saber de Copa América e jogos da Seleção.

- É essa gente que manda no nosso futebol. E tem comissão de ética na CBF? Tá de brincadeira. Que se exploda a seleção e que se exploda a CBF, que já tentou me derrubar. Não vou assistir à seleção. Não tô nem aí. Não tenho vontade de ver essa seleção - afirmou.

- Faz uma pesquisa para saber quem ganhou a Copa América, que teve há dois anos aqui. Ninguém sabe. Falam que tá tendo as Eliminatórias, mas é um jogo em casa e um fora e já estava marcado há muito tempo. E a gente aqui sem leito em hospital e sem doses de vacina. Precisava essa coisa ridícula de Copa América? Eu não sou nem só contra a Copa América, mas contra o futebol. Sou a favor da vacina e da vida - concluiu.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos