Neto culpa Raí pela má fase no São Paulo e não aprova Diniz

Yahoo Esportes
Neto durante o programa 'Os Donos da Bola' (Reprodução)
Neto durante o programa 'Os Donos da Bola' (Reprodução)

A má fase do São Paulo, que trocou de técnico mais uma vez neste ano, após a derrota para o Goiás no Morumbi, foi o tema central do “Os Donos da Bola” desta sexta-feira. A contratação de Fernando Diniz não agradou Neto, que afirmou não saber se ele ainda é treinador. Segundo ele, o estilo de jogo característico de Diniz não serve para o seu time e nem para a seleção brasileira.

SIGA O YAHOO ESPORTES NO INSTAGRAM

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

“Um cara que tem 27 jogos em Campeonato Brasileiro e só ganhou cinco e tem duas Copas Paulista e que as pessoas têm uma imagem dele... Eu não sei se ele vai ser bom, se vai ser ruim, se vai levar o São Paulo para ser campeão, eu não sei se ele vai ser treinador, porque para mim ele ainda não é. Eu discuto muito a forma dele jogar, acho que é bonito, mas não é para o meu time e nem para a seleção brasileira”, opinou.

Leia também:

A diretoria tricolor também foi alvo de críticas do ex-jogador, principalmente, o diretor de futebol do clube, Raí. Neto trouxe a informação de que o nome de Fernando Diniz foi um pedido dos jogadores, liderados por Daniel Alves, fato bastante contestado por ele.

“Quando foi mandado o Cuca embora, acertou que era o Vagner Mancini o treinador. Ele já ia fazer o jogo contra o Flamengo, tava tudo certo. Daqui a pouco, o que aconteceu. O Daniel Alves reuniu com alguns jogadores, foram até o Raí e pediram a contratação do Fernando Diniz. Não foi o Raí que teve a ideia, porque o senhor só tá fazendo caca no São Paulo. Você não sabe o que é o São Paulo? Não é possível, todo mundo que entra aí você derruba! Todo mundo que vai aí não dá certo por causa de você”, esbravejou.

Neto culpou Raí pela crise que o clube vem atravessando e pediu a demissão do ex-jogador do cargo. “O Raí é o maior culpado. Raí, quem tem que ser mandado embora é você. O São Paulo nunca foi assim. Como gerente de futebol, você está fracassando. Você é o maior culpado de tudo. Tanto é que você quis e deixou que os jogadores contratassem o Fernando Diniz”, afirmou.

Fernando Diniz chega como o quarto treinador do São Paulo apenas neste ano. Antes dele, passaram pelo comando tricolor André Jardine, Vagner Mancini e Cuca.

Siga o Yahoo Esportes

Twitter | Flipboard | Facebook | Spotify | iTunes | Playerhunter

Leia também