Nenê está animado para voltar e Evangelista explica sua recuperação

Recuperado de uma lesão na coxa esquerda que o tirou da partida contra o Vila Nova, Nenê treina com bola desde o começo da semana e deve retornar ao time contra o Vitória, nesta quinta-feira, pela Copa do Brasil. Em vídeo da 'Vasco TV' mostrando os bastidores da sua recuperação, o meia conta que já não sente mais dores, o tratamento no Caprres foi essencial para ele ter condições de jogo já para encarar o time baiano e está animado para voltar ao time.

- Foi de uma importância muito grande. Se não fosse isso, eu não teria nem a possibilidade de jogo contra o Vitória. Isso porque não foi só a contratura, foi realmente uma lesão. Antes de sair o resultado a gente já estava fazendo o tratamento intensivo, já pensando que poderia ser e isso já acelerou muito. Realmente o Alex Evangelista (gerente científico) e o Caprres fizeram um trabalho muito bom. Estou realmente feliz de já estar bom, sem dor. Já treinei com bola e a possibilidade de ir para o jogo contra o Vitória me deixa muito animado para voltar e ajudar o time - disse o camisa 10 vascaíno.

Alex Evangelista explicou o processo para a recuperação de Nenê. O gerente científico do clube revela que foi utilizado um equipamento de alta tecnologia do Caprres.

- Segundo a literatura, o ser humano a partir dos 24 anos de idade perde unidades motoras, que diminuem a ação muscular. Ao invés de ele usar 10 grupamentos musculares, a medida que ele envelhece, usa dois, três, quatro... Então, o atleta perde muito na eficiência quando ele perde essas unidades motoras. A eletroestimulação de alta tecnologia, é um equipamento que a gente faz a ação muscular através de acionamentos de unidades motoras que estavam desligadas a medida que o tempo passou para ele. É um equipamento de altíssima tecnologia e de alta precisão - contou.

Nenê agradeceu o apoio que recebeu dos companheiros no período em que estava se recuperando da lesão. O meia disse que isso dá mais força para ele voltar a fazer o seu melhor trabalho em campo.

- É uma coisa muito alegre para mim, sem preço, ouvir essas coisas dos colegas de profissão. Isso me deixa muito feliz mesmo. É uma alegria grande poder receber esse carinho dos meus amigos e companheiros. Isso me dá mais força para continuar fazendo o meu trabalho a cada dia para alegria deles e da torcida do Vasco - afirmou Nenê.





E MAIS: