Negociação entre Benfica e Shakhtar por Pedrinho encontra barreira

·1 minuto de leitura


A negociação entre Benfica e Shakhtar Donetsk pela transferência de Pedrinho esbarra em uma barreira de dois milhões de euros (R$ 12,4 milhões), segundo o "Record". O clube português quer vender o atleta formado no Corinthians por 18 milhões de euros (R$ 112 milhões), enquanto os ucranianos fizeram uma oferta limite de 16 milhões de euros (aproximadamente R$ 100 milhões).

Luís Filipe VIeira, presidente dos Encarnados, busca repassar o brasileiro por estes valores, pois é o que necessita pagar ao Corinthians em breve, embora a contratação já tenha sido realizada há um ano. Com isso, o clube de Lisboa não quer ficar no prejuízo com a saída do atleta que não é aproveitado pelo técnico Jorge Jesus.

> Veja a tabela da Eurocopa

Na última quarta-feira, Will Dantas, empresário do meio-campista, afirmou que a negociação estava praticamente fechada, mas que cada lado estava buscando o melhor para si. Apesar de acreditar no entendimento entre portugueses e ucranianos, o agente afirmou que há outros dois clubes interessados no canhoto, sendo um espanhol e outro alemão.

Segundo as informações do jornal português, Roberto De Zerbi, técnico recém-contratado pelo Shakhtar Donetsk após boa campanha com o Sassuolo, é um admirador de Pedrinho desde os tempos em que o atleta vestia as cores alvinegras do Corinthians.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos