Negociável, Luan sofre com problemas físicos e não consegue dar a volta por cima no Corinthians

Luan atuará no Santos até dezembro (Foto: Rodrigo Coca / Agência Corinthians)


Um dos principais problemas do Corinthians na vitória por 1 a 0 contra o Atlético-GO, pela 9ª rodada do Brasileirão, foi na criação de jogadas. Segundo o Footstats, o Timão deu apenas um chute ao gol do Dragão. Pelo alto número de lesionados, Vítor Pereira tinha poucos jogadores criativos no banco de reservas, e mais uma vez não conseguiu contar com Luan.

+ GALERIA - Retrospecto do Timão contra possíveis adversários na Copa do Brasil

Na coletiva após o triunfo contra o Dragão, Vítor explicou que o camisa 7, de última hora, se queixou de dores, e por isso não esteve na lista para o jogo. O treinador revelou que essa não foi a primeira vez que isso ocorreu desde que chegou ao Parque São Jorge.

- O Luan já esteve três vezes para ser escalado, e no último momento, vai para o departamento médico. Portanto, não é da minha responsabilidade. Era para ele vir, só que no último treino, queixou-se de um problema e foi para o departamento médico. Isso aconteceu três vezes - explicou o técnico corintiano após a vitória no estádio Antônio Accioly.

- Durante o tempo que aqui estou, (Luan) tem ficado fora de muitos treinos, grande parte do tempo não trabalhou comigo. O que eu disse quando cheguei ainda vale: se o Luan se dedicar e quiser, ele vai ter a oportunidade. Por que os jovens da base vêm e têm a oportunidade? Porque precisamos de todos. E precisamos do Luan - concluiu.

O discurso de Vítor depois do sucesso contra o Dragão vai na mesma linha do que ele mesmo falou quando chegou no Parque São Jorge. Quando foi apresentado, o lusitano disse que Luan precisaria 'se encontrar com ele mesmo' e tirar uma força de dentro para dar a volta por cima no Corinthians.

O camisa 7 tem convivido com problemas físicos nesta temporada. Pela segunda vez no ano, no início de maio, o atleta sentiu dores no quadril esquerdo e ficou em recuperação, sendo liberado pelo departamento médico no dia 24 de maio, dois dias antes do confronto na Neo Química Arena contra o Always Ready-BOL, pela fase de grupos da Libertadores.

Dessa forma, ele não é figura presentes nos treinos da equipe, e consequentemente não consegue mostrar serviço ao treinador. O último compromisso em que o atleta iniciou jogando foi o empate em 1 a 1 do Corinthians com o Botafogo-SP, em Ribeirão Preto, pelo Paulistão, no dia 19 de fevereiro, jogando 71 minutos e sendo substituído aos 26 do segundo tempo.

+ TABELA - Confira e simule os jogos do Corinthians no Brasileirão

Luan, inclusive, só jogou no Estadual. Além do duelo contra o Pantera, o jogador atuou sete minutos contra o Santo André e 11 diante do São Bernardo. Ele é o único atleta do elenco principal que ainda não atuou com Vítor Pereira.

Como informado pelo LANCE!, a missão da diretoria corintiana é achar algum clube interessado no atleta na janela do meio do ano. O interesse inicial do Timão é negociar Luan, mesmo sabendo que é algo muito difícil, pelo longo período de baixa que o jogador vive. O 'plano B' será emprestar o camisa 7 para algum clube que esteja disposto a arcar integralmente com os salários do jogador.

Em 78 jogos oficiais pelo Corinthians, Luan fez nove gols e deu cinco assistências. O meia foi contratado por R$ 28,9 milhões por 50% dos direitos, e tem contrato até dezembro de 2023.

A última vez em que o jogador marcou um gol foi no dia 20 de maio de 2021, na goleada do Timão sobre o Sport Huancayo por 5 a 0, pela Copa Sul-Americana.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos