Natan Schulte conquista bicampeonato do PFL e leva R$ 4 milhões; Kayla Harrison derrota brasileira

Após bi no PFL, Natan Schulte espera ajudar a quebrar o "monopólio" do UFC no Brasil
Após bi no PFL, Natan Schulte espera ajudar a quebrar o "monopólio" do UFC no Brasil

Nesta terça-feira (31), o PFL promoveu o último evento do ano e coroou os seis campeões da temporada 2019, que embolsaram um milhão de dólares (cerca de R$ 4 milhões) cada um. Entre eles o brasileiro Natan Schulte, que venceu Loik Radzhabov na decisão unânime dos juízes após cinco rounds de muita ação, sagrando-se bicampeão do torneio peso-leve (70 kg) da organização.  Já Larissa Pacheco acabou superada por Kayla Harrison, duas vezes medalhista de ouro nas Olimpíadas, em luta válida pelo título peso-leve feminino.

Campeão da temporada 2018, Natan conquistou seu segundo título do PFL, além de mais um prêmio de um milhão de dólares (cerca de R$ 4 milhões). Em um combate movimentado e equilibrado, o catarinense teve bons momentos tanto na trocação quanto no solo e levou a melhor sobre Radzhabov nas papeletas dos jurados. O peso-leve segue invicto na organização com nove vitórias e um empate.

THE BRAZILIAN REIGN CONTINUES! @NatanSchulte brings another million dollar performance to NYC and is the back-to-back PFL Lightweight Champion! #PFLChampionship #BackToBack pic.twitter.com/cKSfY1rnN3

— PFL MMA (@ProFightLeague) January 1, 2020

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio


Na luta principal da noite, Larissa Pacheco acabou derrotada novamente por Kayla Harrison, que conquistou o primeiro título peso-leve feminino da história do PFL e também levou para casa um milhão de dólares. As duas já haviam se enfrentado em maio deste ano, com a americana saindo vitoriosa também por pontos. Com o resultado, a americana – bicampeã olímpica no judô – segue invicta no MMA profissional após sete combates.

HISTORY MADE! @KaylaH heads into 2020 a millionaire and the 2019 PFL Women’s Lightweight Champion! #PFLChampionship pic.twitter.com/OllX4dELW1

— PFL MMA (@ProFightLeague) January 1, 2020


Em duelo válido pelo título meio-médio (77 kg), Ray Cooper III derrotou David Michaud por nocaute técnico no segundo round e levou um milhão de dólares para casa. Já pelo torneio dos pesos-pesados, Ali Isaev foi o vencedor ao nocautear Jared Rosholt no quarto assalto.

Assim como Natan Schulte, Lance Palmer repetiu o título conquistado em 2018 ao derrotar Alex Gilpin e faturar o torneio peso-pena (66 kg). Já na disputa entre meio-pesados (93 kg), o argentino Emiliano Sordi precisou de dois minutos de luta para nocautear Jordan Johnson e se tornar o campeão da divisão na temporada 2019, além de embolsar o prêmio de um milhão de dólares.

Leia também