Nastase não será bem-vindo em Wimbledon este ano, dizem organizadores

Por Martyn Herman
Técnico da Romênia na Fed Cup, Ilie Nastase. 22/04/2017 Inquam Photos/George Calin/via REUTERS

Por Martyn Herman

LONDRES (Reuters) - O ex-tenista romeno Ilie Nastase não será bem-vindo ao torneio de Wimbledon deste ano e pode ser barrado no portão se tentar entrar, disseram os organizadores do evento nesta quarta-feira.

Hoje com 70 anos, o ex-campeão de Roland Garros e do Aberto dos Estados Unidos está proibido temporariamente de comparecer a todas as competições da Federação Internacional de Tênis (ITF) por ter feito comentários supostamente racistas e sexistas durante a disputa da Romênia contra o Reino Unido na Fed Cup, no mês passado.

O presidente do conselho do All England Club, que sedia o torneio inglês, disse "condenar" o comportamento de Nastase, duas vezes vice-campeão de Wimbledon.

"Em termos de um convite ao Camarote Real, ele não irá receber um este ano", disse Brook em entrevista coletiva.

O diretor-executivo do clube, Richard Lewis, foi mais longe, dizendo que Nastase "pode ser barrado no portão" se tentar ingressar no local com um ingresso.

Capitão da Romênia na Fed Cup, Nastase, que causou polêmica durante toda sua carreira, foi afastado da disputa de seu país com os britânicos por comportamento "antidesportivo".

A partida de simples entre a britânica Johanna Konta e a romena Sorana Cirstea foi suspensa brevemente devido a comentários feitos por Nastase a Konta e à capitã da equipe adversária, Anne Keothavong.

Nastase já havia criado problemas durante o playoff do Grupo Mundial II em Constanta, quando teria feito um comentário depreciativo sobre o filho ainda em gestação da tenista norte-americana Serena Williams.