Nascido na Argentina, atacante do México promete comemorar caso marque contra Albiceleste

Funes Mori nasceu na Argentina, mas defende a seleção do México (Foto: ALFREDO ESTRELLA / AFP)


Argentina e México se enfrentam logo mais às 16h (de Brasília), em jogo decisivo pelo Grupo C da Copa do Mundo do Qatar. Para a Albiceleste, uma derrota vale a eliminação precoce do Mundial, visto que foi derrotada na primeira rodada de forma surpreendente diante da Arábia Saudita.

O atacante Rogelio Funes Mori foi convocado pelo técnico Tata Martino para defender a seleção mexicana no Mundial do Qatar. Nascido em Mendoza, na Argentina, o centroavante do Monterrey afirmou em entrevista à "Fox Sports México" que irá comemorar caso marque diante dos argentinos.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

- Comemoraria o gol com todo meu coração - declarou Funes Mori, cuja convocação gerou polêmica no México, visto que jogadores naturalizados não são bem vistos no país. O irmão de Rogelio, Ramiro, optou por defender a seleção da Argentina.

+ Veja a tabela da Copa do Mundo 2022

Apesar da chance de ser eliminado já neste sábado, o time argentino tem uma boa notícia quando o assunto é jogar contra o México, visto que "El Tri" não tem um bom retrospecto contra a Argentina, principalmente em Copas do Mundo.