Narrador do Fox Sports se desculpa por ter criticado Jorge Jesus: 'Peço perdão pelas porcarias'

Marco de Vargas (à esquerd.) se desculpou pelas críticas para Jorge Jesus (Divulgação Alexandre Vidal / Flamengo)
Marco de Vargas (à esquerd.) se desculpou pelas críticas para Jorge Jesus (Divulgação Alexandre Vidal / Flamengo)

O narrador do Fox Sports Marco de Vargas resolveu pedir desculpas pelas declarações diminuindo o treinador do Flamengo, o português Jorge Jesus. Pelo Twitter, o comunicador, que palpitava sobre a vitória do Fla sob o Fluminense, neste domingo, aproveitou o momento para elogiar a boa fase do clube carioca, líder do Brasileirão, e se redimir depois das fortes declarações.

SIGA O YAHOO ESPORTES NO INSTAGRAM

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

O Rubro-Negro venceu o Tricolor, no Maracanã, por 2 a 0 e abriu 10 pontos na ponta do Brasileirão. Depois de elogiar o meio-campo Gerson, o narrador voltou atrás nas críticas que fez diminuindo o português.

Leia também:

- Se for para trazer um técnico estrangeiro, que traga da América do Sul. O cara está longe da nossa realidade. Vai apostar em um cara que tem essa bagagem toda. Só tem três títulos na porcaria do Campeonato Português e mais cinco Copas de Portugal, para ser um cara de grife. Técnico de grife é o Mourinho, e está sem clube. Tem que trazer um cara que conheça o Campeonato Brasileiro, em especial o Flamengo. Para mim, nem Jesus dá causa - disse o narrador durante o programa Expediente Futebol, no final de Maio.

Na época, a repercussão não pegou bem para os torcedores brasileiros, que cogitaram ter sido um comentário negativo apenas pela nacionalidade do treinador. Em Portugal, a frase "Tem três títulos na porcaria do campeonato português?" também não foi bem vista e jornalistas europeus chegaram a rebate as declarações de Marco.

A vinda de Jesus para o Brasil não contou somente com críticas do profissional do Fox Sports. Renato Gaúcho, treinador do Grêmio, também chegou a diminuir as conquistas do treinador fora da América.

- Se o Flamengo ganhar este campeonato para mim é mais um título. Não são três, alguém diz que tenho três. Não tenho três, tenho 14. Catorze títulos, não são três... Se calhar com este passam a ser 15 - afirmou o técnico do Fla, que segue na primeira posição com 64 pontos e enfrenta o Grêmio pela semifinal da Libertadores, nesta quarta-feira, no Maracanã.

Siga o Yahoo Esportes

Twitter|Flipboard|Facebook|Spotify|iTunes|Playerhunter


Leia também