"Não olímpicos"? Veja lista de esportes que podem integrar Olimpíadas

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 minuto de leitura
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
LONDON, ENGLAND - MAY 13: (Editors note: This image was computer generated in-game) The Gran Turismo Olympic Virtual Series opens to online competitors for time trial qualifying. The fastest 16 competitors globally will have the chance to compete in the grand final ahead of the Tokyo Olympics later this year on May 13, 2021 in London, England. (NOTE TO USER - Gran Turismo Sport: TM & © 2017 Sony Interactive Entertainment Inc. Developed by Polyphony Digital Inc. Manufacturers, cars, names, brands and associated imagery featured in this game in some cases include trademarks and/or copyrighted materials of their respective owners. All rights reserved). (Photo by Clive Rose - Gran Turismo/Gran Turismo via Getty Images)
Esports já fizeram parte de Tóquio em exibição (Clive Rose - Gran Turismo/Gran Turismo via Getty Images)

A realização das Olimpíadas de Tóquio, apenas em 2021 por causa da pandemia da Covid-19 encheu com ainda mais expectativa os amantes do esporte. Cinco novas modalidades vão integrar a disputa, enquanto algumas outras ainda buscam um lugar ao sol. Mas afinal, como um esporte vira olímpico? Quais são os esportes que podem virar olímpicos?

Como um esporte vira olímpico?

Para que um esporte se torne olímpico é necessário que seja reconhecido pelo Comitê Olímpico Internacional (COI). Além disso é necessário que exista uma federação internacional responsável por ele e que siga os preceitos da carta olímpica, um documento determina que o requisito principal para que um esporte se torne olímpico é que seja popular. Ou seja, praticado em, ao menos, três continentes por homens em, pelo menos, 75 países e por mulheres, em 40 países.

Leia também:

Quais são os esportes que podem virar olímpicos?

Esports: Uma indústria milionária capaz de rivalizar com esportes mais tradicionais, como o futebol de campo, os esportes eletrônicos são populares no mundo inteiro e, por isso, candidatos a integrarem os Jogos Olímpicos em alguns anos. Tóquio já integrou alguns jogos em uma série de eventos paralelas ao evento. Entretanto, entraves como direitos autorais dos desenvolvedores e o caráter violento de alguns jogos podem atrapalhar essa escolha.

Sinuca (Snooker): De acordo com as entidades que dirigem o esporte, mais de 500 milhões de pessoas assistem campeonatos de snooker (ou sinuca para você que aprendeu a jogar no bar) ao redor do mundo. A audiência é um belo chamariz para que a mesa de pano verde seja palco de disputas de medalhas olímpicas, nos próximos anos.

Squash: Um dos esportes mais populares e, de certa maneira, considerado elitista, o Squash já tentou fazer parte dos Jogos Olímpicos algumas vezes e quase conseguiu. Presente nos Jogos Pan-Americanos, o esporte deve tentar novamente uma vaga para Los Angeles, em 2028.

Quem já garantiu sua vaga nas Olimpíadas?

Break Dancing: Diante do sucesso como evento teste nas últimas Olimpíadas da Juventude, realizadas em Buenos Aires, em 2018, a dança de rua tem potencial para atrair a audiência jovem e fará parte das Olimpíadas já em 2024, nos Jogos de Paris.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos