Nalbert e ciclistas vivem expectativa para a primeira edição do L’Étape Rio

·4 min de leitura


Amadores e profissionais, experientes e iniciantes, anônimos e personalidades já conhecidas: ciclistas de todo o brasil se unem na expectativa para a primeira edição do L’Étape Rio que acontece nos dias 19 e 21 de novembro no Rio de Janeiro.

Depois de sete edições do L’Étape Brasil realizadas em solo paulista, o evento agora conta também com a Cidade Maravilhosa como um ponto de encontro e disputas para ciclistas de todo o país. A organização preparou tudo para uma prova de alto nível. E a ansiedade já toma conta dos participantes.

- Expectativa gigante para o primeiro L’Étape Rio! Nos grupos de ciclismo, nos pedais que a gente faz, já tem muita gente comentando, muita gente inscrita, com expectativa para o percurso longo e curto do evento - conta o campeão olímpico Nalbert, que está confirmado na prova curta do evento.

- Vou aproveitar muito cada metro da prova, tentar me divertir e fazer a melhor prova que eu puder, mas sem deixar de lado essa questão do entretenimento, equilibrando sempre o lado competitivo com o lazer - completa.

Outras personalidades já conhecidas no meio esportivo estão confirmadas na prova. É o caso do jornalista esportivo Bruno Viccari, do ciclista Murilo Fischer e de Pippo Garnero, atleta vencedor da prova longa do L’Étape Brasil 2021, realizado em Campos do Jordão (SP).

Além dos nomes já reconhecidos no meio esportivo, muitos ciclistas amadores participam da competição para no L’Étape Rio passar por uma experiência única no esporte, em um dos maiores eventos de ciclismo atualmente. É o caso de Bete Villalobos, presidente da Make-A-Wish Brasil, que se apaixonou pela prova e garante sua participação em todas as edições no país desde 2015.

- Já tive a oportunidade de pedalar em muitos lugares incríveis pelo mundo, mas em 2015 soube que teríamos o primeiro L’Étape Brasil, bem aqui na nossa casa. Meu coração bateu mais forte e a partir daí meu amor só cresceu, ano após ano, com muito suor, aprendizado e superação - conta Bete.

- Assim se foram sete edições do evento. Agora que venha o L’Étape Rio, uma prova que nos abraça de corpo e alma pelos cenários cheio de cores, luzes e desafios - completa a ciclista, sem esconder a ansiedade para a prova.

Novo percurso aprovado entre os participantes

No L’Étape Rio, os ciclistas que optarem pelo percurso longo terão pela frente um trajeto de 102 km com 1.092 m de altimetria acumulada pela Cidade Maravilhosa. Já os que disputarem o percurso curto, vão encarar 46 km de pedalada, com 450 m de altimetria.

A novidade da prova é um novo percurso para provas de ciclismo na cidade. Os atletas vão largar na Marina da Glória, seguindo pela orla em sentido às famosas praias de Copacabana, Ipanema e Leblon, onde irão apreciar o nascer do sol na beira mar isolada para o ciclismo nacional.

Ao terminar a orla do Leblon, o trajeto segue direto para contornar o Jardim Botânico e iniciar uma das mais famosas subidas do Rio de Janeiro – a subida da Vista Chinesa e da Mesa do Imperador, via estrada Dona Castorina -, a mesma estrada por onde passou a prova de ciclismo nos Jogos Olímpicos do Rio e que agora será fechada para os ciclistas do L’Etape Rio de Janeiro by Tour de France.

- A mudança no percurso deixou a prova mais completa, muita gente satisfeita porque a gente vai ter o privilégio de pedalar uma prova absolutamente segura, com trânsito fechado, em um dos lugares mais lindos do mundo - celebra Nalbert.

- O grande desafio, principalmente para a galera de fora do Rio, que não está acostumada a pedalar aqui na Cidade Maravilhosa, certamente vai ser o de se concentrar diante de tanta beleza - completa.

Outro ponto a favor dos ciclistas é a segurança durante o trajeto. A organização do L’Étape Rio pensa em todos os detalhes para garantir o bem estar de cada atleta durante a prova.

- O L’Étape tem a melhor organização das provas brasileiras: vias fechadas, apoio mecânico, de alimentação, médico, além do cuidado com poucas vias de mão dupla. Me sinto segura e reconhecida em fazer um evento que tem origem no Tour de France - afirma Bete Villalobos.

No site do L’Étape Rio é possível consultar os mapas do percurso curto e do percurso longo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos