Nagoya realiza primeira maratona com público durante a pandemia no Japão

Iúri Totti
·2 minuto de leitura


Às vésperas das Olimpíadas de Tóquio, em julho, a cidade de Nagoya, no Japão, recebe, neste domingo (14), a décima edição da Maratona Feminina de Nagoya, considerada a maior prova de 42km do mundo só para mulheres segundo o Guinness World Records. Ela será a primeira corrida com a participação de público no Japão desde que o início da pandemia no país. Além disso, a prova é a primeira com o selo World Athletics Platinum da World Athletics, ex-IAAF, a reunir presencialmente atletas de elite e amadores nesta escala.

Devido à pandemia da Covid-19, o número de participantes caiu pela metade em relação aos últimos anos: de 22 mil para 11 mil no momento da inscrição na corrida. Considerando o status de infecção no Japão, a organização da maratona decidiu aceitar os pedidos dos participantes registrados que desejassem mudar sua inscrição para uma corrida virtual, a Maratona Online Feminina de Nagoya 2021, que, no final, tornou a corrida presencial um evento com cinco mil participantes. Os estrangeiros só poderão participar da corrida virtual.

Os organizadores estão empenhados em tomar todas as medidas possíveis contra a infecção para realizar o evento mais seguro possível para os atletas e voluntários. O plano de controle sanitário do evento foi determinado de acordo com as Orientações da Associação Japonesa de Federações de Atletismo sobre o reinício de corridas de rua e seguindo o conselho de especialistas da área de saúde e oficiais do governo local. O plano exige que todos usem máscaras, exceto os corredores durante a competição, higienizem as mãos, tenham a temperatura verificada e monitorem as condições de saúde por sete dias antes e 14 dias após o dia da corrida. O evento também vai ter o distanciamento físico com ampliação do espaço por pessoa e redução da capacidade das áreas do evento, fornecimento de água coberta e alimentos embalados e posto com ambulâncias para casos suspeitos de infecção.

A Maratona Feminina de Nagoya 2021, que será realizada da maneira ‘nova normal’ neste fim de semana, servirá como um ‘novo começo’ e pavimentará o caminho para o retorno das corridas de maratona em grande escala no futuro.

“Para cumprir nossa responsabilidade como uma corrida de rua com o selo World Athletics Platinum e um palco para atletas competirem e irem a competições internacionais maiores, passamos muito tempo examinando como poderíamos garantir a participação segura de corredores, voluntários e todas as partes envolvidas. Tomando todas as precauções possíveis na 'nova normal' Maratona Feminina de Nagoya 2021, esperamos fazer um 'novo começo' para o futuro com todas as partes interessadas”, afirma Teddy Okamura, diretor da Maratona Feminina de Nagoya.