Nadal está fora do Aberto da Austrália

Apenas três dias depois de anunciar a sua desistência do torneio de exibição de Abu Dhabi, Rafael Nadal revelou nesta sexta que não disputará o Aberto da Austrália

Estadão Conteúdo
Rafael Nadal
.

Exibir foto

A fase de Nadal não é das melhores. Ele só deve voltar a jogar em fevereiro

Apenas três dias depois de anunciar a sua desistência do torneio de exibição de Abu Dhabi, que começou na última quinta-feira, Rafael Nadal revelou nesta sexta que não disputará o Aberto da Austrália, primeiro Grand Slam de 2013, com início marcado para o próximo dia 14 de janeiro. O atual tenista número 4 do ranking mundial alega que o vírus estomacal que o impediu de jogar nos Emirados Árabes nesta semana não permitirá que ele faça os treinos necessários para atuar de forma competitiva em Melbourne, palco da competição australiana.

O fato, porém, é que Nadal está sem jogar desde o dia 28 de junho, quando foi surpreendido pelo checo Lukas Rosol já na segunda rodada de Wimbledon, em derrota determinante para que ele se afastasse das quadras para se recuperar da lesão no joelho que já vinha o incomodando há algum tempo.

LEIA TAMBÉM

Ei, você...você mesmo, bem-vindo ao Brasil!

Zico avisa que fará 2º adeus aos gramados
São Paulo pode acertar com o chileno Vargas

E esse longo período sem jogar coloca em dúvida a real condição do espanhol, que garante estar recuperado do problema em seu joelho. "Meu joelho está bastante melhor, e o processo de recuperação tem sido como previsto pelos médicos, mas o processo viral não me deixou treinar nesta última semana e nos próximos dias. Portanto, muito a mim pesa não poder reaparecer no momento que havíamos previsto", afirmou Nadal, por meio de sua página no Facebook.

Em seguida, o atual vice-campeão do Aberto da Austrália revelou que precisará analisar com cautela a sua situação para saber quando poderá voltar às quadras. "O mais prudente é fazer as coisas bem e este vírus atrasou todos meu planos de reaparecer nestes dias. Minha reaparição terá de esperar até o Torneio de Acapulco, se bem que não descartaria a possibilidade de reaparecer em algum torneio antes", completou o tenista, se referindo ao ATP 500 mexicano que será realizado entre 25 de fevereiro e 2 de março, em piso de saibro.

O planejamento anterior de Nadal também previa a sua participação no Torneio de Doha, que serve de preparação para o Aberto da Austrália e será realizado entre 31 de dezembro e 6 de janeiro. Porém, sem condições de treinar ou jogar como gostaria, o espanhol resolveu adiar mais uma vez o seu retorno às quadras e também ficará fora das competições no próximo mês. Dono de um jogo físico muito forte, ele enfatizou que precisaria do "máximo do seu corpo" para atuar bem no Aberto da Austrália, e hoje se vê longe de possuir essa condição física.

Exibir comentários (5)
Os sites do Yahoo Esportes e do Esporte Interativo agora estão separados. Por favor, escolha qual deseja acessar:
  • Sampaoli avisa que Ganso deve ser titular contra o Lyon na Champions

    Às vésperas de entrar em campo pela segunda rodada da Liga dos Campeões, Jorge Sampaoli avisou que mudará a sua equipe. Depois da derrota na última rodada do Espanhol, o treinador avaliou que o Sevilla precisa ter mais profundidade e, para isso, o meia Paulo Henrique Ganso deve ser um dos que entrará como titular. […] Mais »

    Gazeta Press - 26 minutos atrás
  • Elenco do Botafogo comemora semana livre de jogos

    O Botafogo vinha de uma sequência complicada de jogos e isso se refletiu na derrota de 1 a 0 para o América-MG no fim de semana. Jogadores importantes como o meia Camilo e o atacante Neilton, por exemplo, tiveram que ser substituídos por conta do desgaste físico. Justamente por conta desta situação que os jogadores […] Mais »

    Gazeta Press - 33 minutos atrás
  • Neymar volta a ser protagonista sem Messi

    Neymar volta a ser protagonista sem Messi

    Jogador brasileiro marca dois gols e demonstra eficiência parecida a do período da última lesão do argentino Mais »

    Goal.com - 34 minutos atrás
  • Apesar da vitória, Rani Yahya reprova própria atuação: "Gastei toda minha energia"

    Apesar da vitória, Rani Yahya reprova própria atuação: "Gastei toda minha energia"

    Rani Yahya vive o melhor momento da carreira. No último sábado (24), o peso-galo (61 kg) derrotou por decisão unânime Michinori Tanaka no UFC Brasília e chegou ao quarto triunfo consecutivo – feito que ainda não havia alcançado no Ultimate. Contudo, mesmo com a excelente fase e mais uma vitória no currículo, o brasiliense não aprovou sua apresentação diante do japonês. Mais »

    AgFight - 37 minutos atrás
  • Chavez amarga seca de gols depois de ganhar música da torcida tricolor

    Andres Chavez parou. Talvez isso ajuda a explicar o por que da reação são-paulina ter durado tão pouco tempo. O argentino chegou e empolgou com seu início avassalador. Dos últimos dez gols da equipe, o camisa nove foi responsável por seis deles. Seus números nesse período são melhores do que os de Aloísio ‘Chulapa’, Ricardo […] Mais »

    Gazeta Press - 39 minutos atrás