Na volta para casa Flamengo não tem desculpa. Não no Maracanã

Foto: Gazeta Press

É estreia, é Libertadores, será contra um time argentino e o Flamengo perdeu o título da Taça Guanabara 3 dias atrás.

Nada disso serve como desculpa.

O torcedor não quer saber.

É Maracanã, a casa do Flamengo, e o palco ideal. Os mais otimistas diriam que o ano começa hoje para o Flamengo.

Aqueles que pensar assim não estão errados.

Casa cheia e muita cobrança.

Os jogadores e principalmente Zé Ricardo que não se iludam.

A responsabilidade e obrigação é toda do Flamengo ainda mais se levarmos em conta que o adversário não disputa uma partida oficial há quase 2 meses.

O San Lorenzo pode ter tradição, não se ganha jogo de véspera, mas hoje o Flamengo não tem desculpa.

O gramado dizem não estar 100% mas em condições razoáveis.

Precisa responder e vencer.

Zé Ricardo dá a entender que manterá o mesmo time que empatou no tempo normal com o Fluminense por 3 a 3. Não muda a cara do Flamengo.

O colombiano Berrio segue como opção e Mancuello titular. Rômulo idem. Rever e Rafael Vaz, vilões no domingo, estão prestigiados.