Na volta de Fábio, Cruzeiro joga para o gasto e supera o Democrata

Time reserva fez uma partida com o pé no freio, mas fechou a primeira fase com vitória

Fechando a primeira fase do Campeonato Mineiro, o Cruzeiro recebeu o Democrata nesta matinê de domingo, no Mineirão. Com o segundo lugar já garantido, a equipe celeste entrou em campo com o time reserva e não encheu os olhos, mas saiu vencedor por 2 a 0.

Os gols do jogo foram marcados por Dedé, ainda no primeiro tempo de jogo, e Ábila, na etapa final. Outra novidade na partida foi a presença do goleiro Fábio, que voltou de lesão após quase oito meses.

Com o resultado, o Cruzeiro vai aos 27 pontos na tabela e aguarda o desfecho da última rodada para saber se vai enfrentar o América-MG ou a URT na semifinal. O Democrata encerra o estadual com dez pontos, se safando do rebaixamento para o Módulo II.

O jogo

Primeiro tempo de frio para morno no Mineirão. Apesar de ter uma atuação melhor dentro de campo, o Cruzeiro não mostrou um futebol para empolgar o torcedor. Sua primeira chance saiu apenas com 15 minutos de jogo, em cruzamento pela esquerda que Ábila cabeceou por cima. Com dificuldades para criar e sem inspiração, a Raposa chegou ao gol em um lance isolado em que Dedé aproveitou o desvio na zaga adversária para, ligeiramente impedido, balançar as redes.

Apesar de ter mostrado mais apetite em alguns momentos da partida, o Democrata não conseguiu ser objetivo em suas ações e o goleiro Fábio não passou de um expectador. Após levar o gol, perdeu ainda mais posse de bola, mas priorizou a marcação e organização defensiva.

No segundo tempo, o cenário da partida não mudou muito. O Cruzeiro permaneceu mais tempo no ataque, mas com pouca inspiração, sem transformar o domínio em gol. Mas a situação ficou ainda pior para a Pantera quando Gérley subiu demais o pé e o árbitro marcou pênalti em Ábila. O próprio argentino bateu e converteu a cobrança, marcando o segundo gol da Raposa. Ainda antes do apito final, a equipe de Governador Valadares construiu suas melhores jogadas, mas ficou apenas no quase. Primeiro ao parar no goleiro Fábio, que fez uma boa e única intervenção difícil na partida. Pouco depois, o zagueiro Wellington cabeceou com perigo à esquerda da trave. Foi só. 2 a 0 placar final.

CRUZEIRO 2x0 DEMOCRATA

Motivo: 11ª rodada do Campeonato Mineiro
Data/Hora: 9/04/2017, às 11h
Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Árbitro: Antônio Márcio Teixeira da Silva
Auxiliares: Pablo Almeida Costa e Douglas Almeida Costa
GOLS: Dedé, 18'1ºT (1-0); Ábila, 27'2ºT (2-0)
Cartões amarelos: Lucas Romero, Ábila (CRU); João Figueiredo, Lima (DEM)
Cartão vermelho: Gérley (DEM).
Público/Renda: 13.542 pagantes/16.864 presentes/R$289.876,00.

Cruzeiro: Fábio; Mayke, Dedé, Caicedo e Bryan; Lucas Silva, Lucas Romero (Nonoca - 32'2ºT) e Fabrício; Marcos Vinícius (Rafinha - 22'2ºT), Élber e Ramón Ábila (Raniel, 38'2ºT). Técnico: Mano Menezes

Democrata-GV: Alencar; Alan (Guilherme, 35'1ºT), Wellington, Gérley e Vitinho; Glaydson, Lima, Matheus Roldan e Andrey (Jefferson - 14'2ºT); João Figueiredo (Lucas - 29'2ºT) e Lourival. Técnico: Márcio Pereira



























E MAIS: