Na volta dos titulares, Grêmio deslancha na segunda etapa e goleia o Pelotas pelo Gauchão

Futebol Latino
·4 minuto de leitura


Após o período de recesso, Renato Gaúcho e os jogadores titulares voltaram a campo na noite deste domingo, pela 7ª rodada do Campeonato Gaúcho, na Arena. Apesar de encontrarem uma certa resistência inicial, o Imortal acabou se acertando na última etapa e goleou o Pelotas pelo placar de 4 a 0.

Com o resultado, o Tricolor pulou para a vice-liderança da competição, com um jogo a menos, porém somando agora 13 pontos. Já o Lobo, com o revés fora de casa, caiu para a 10ª colocação com seus 6 pontos somados até então.

GRÊMIO INICIA COLOCANDO PRESSÃO NO PELOTAS

Nos primeiros 10 minutos de jogo, a equipe de Renato praticamente tomou conta do jogo. Em duas boas tentativas de finalização por parte de Alisson, a defesa rival mantinha-se atenta para afastar o perigo de sua área.

Por outro lado, o Lobo pouco conseguia chegar ao seu campo de ataque. Porém, quando apareceu por lá, Gabiga até que tentou um chute de primeira, mas a bola acabou indo para fora.

PANORAMA EM CAMPO SEGUIA IGUAL

Até meados dos 35 minutos, eram poucos os lances de perigo para ambos os lados. Entretanto, em uma nova descida, os visitantes finalmente exigiram do goleiro Brenno, quando Gabiga foi acionado na área e, ao chutar, fez com que o camisa 1 trabalhasse no lance evitando o tento.

Já nos acréscimos, tudo igualou-se também. Se por um lado Marcelo tentou surpreender o goleiro do Imortal, por outro Diego devolveu na mesma moeda com a bola saindo com muito perigo em uma cobrança de falta.

VOLTA PARA O SEGUNDO TEMPO SEM LÉO CHÚ

Não conseguindo destacar-se em campo, Renato então optou por colocar Thaciano em seu lugar. Não muito diferente de como foi nos primeiros 10 minutos da primeira etapa, quem conseguiu chegar com mais perigo até então havia sido o Pelotas, quando Marcelo, novamente, deu trabalho a Brenno.

PÉ QUENTE, RICARDINHO ENTRA E MARCA

Apostando em uma nova modificação, o técnico Tricolor, que não estava aprovando o estilo de jogo de seus atletas, então sacou Heitor para dar lugar a Ricardinho. E deu certo. Praticamente em seu primeiro toque na bola, em jogada iniciada com Diego Souza fazendo a parede, passando em seguida para Alisson que, por sua vez, acionou Thaciano já dentro da área, deixando Ricardinho em boas condições para tocar na saída de Gabriel Leite. 1 a 0.

ALISSON E DIEGO SOUZA AMPLIAM

Embalado pelo tento marcado, a equipe de Porto Alegre aproveitou o bom momento. Sendo assim, aos 25 minutos, Alisson roubou a bola e, com o gol livre, só teve o trabalho de empurrar para a rede. 2 a 0.

Não dando tempo do Lobo tentar encontrar-se no duelo, lá estava o Grêmio novamente fazendo mais um. Desta vez, aos 30 minutos, com Diego Souza, em cobrança de falta, aproveitando desvio. 3 a 0.

FERREIRA DEIXA O DELE

Aproveitando o espaço em campo, minutos depois, aos 33, foi a vez de Ferreira garantir seu tento. Após brigar pela bola, o atacante limpou a jogada e, arriscando um chute cruzado, mandou a bola na gaveta de Gabriel. 4 a 0.

Até os acréscimos, era nítido o domínio do Grêmio em campo. Com isso, seguiu na pressão visando aumentar a goleada, porém acabou não tendo sucesso nas investidas, dando a deixa para o árbitro colocar um ponto final no confronto na Arena.

FICHA TÉCNICA
GRÊMIO x PELOTAS - 6ª RODADA DO CAMPEONATO GAÚCHO
​Estádio: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Data: 28 de março de 2021, às 21h (de Brasília)
Árbitro: Eleno Todeschini
Assistentes: Lucio Beiersdorf Flor e Fagner Bueno Cortes
Cartões amarelos: Heitor (GRE) / João Vieira (PEL)
Cartões vermelhos: João Vieira (PEL)

GOLS: Ricardinho, 21'/2ºT (1-0); Alisson, 25'/2ºT (2-0); Diego Souza, 31'/2ºT (3-0); Ferreira, 33'/2ºT (4-0).

GRÊMIO (Técnico: Renato Gaúcho)
Brenno; Vanderson, Heitor (Ricardinho, aos 19'/2ºT), Rodrigues e Diogo Barbosa; Maicon (Lucas Silva, aos 28'/2ºT), Alisson, Matheus Henrique; Ferreira (Léo Pereira), Léo Chú (Thaciano, no intervalo) e Diego Souza (Pedro Lucas).

PELOTAS (Técnico: Rafael Jaques)
Gabriel Leite; Marcelo, Gabriel Silva, Maurício e Wendel Lomar (Aslen, aos 30'/2ºT); João Vieira, Bustamante e Juliano; José Aldo (Caio Mancha, aos 39'/2ºT), Gabiga e Marcão (Marcos Paulo, aos 30'/2ºT).