Na série “Reflexões” do SportsCenter, Taison explica a comemoração com o punho erguido

·1 min de leitura


Neste Mês da Consciência Negra, o SportsCenter exibe a série “Reflexões”, produzida especialmente para celebrar o protagonismo negro no esporte e na sociedade. O conteúdo que é destaque na maior atração jornalística dos canais esportivos Disney retrata a realidade e os desafios enfrentados pelos profissionais dos meios de comunicação e atletas negros, mostrando como suas conquistas podem motivar outras pessoas a não desistirem de seus sonhos.

Entrevistado do episódio desta terça-feira (9), Taison, atacante do Internacional e jogador convocado pela Seleção Brasileira para a Copa do Mundo de 2018, falou sobre sua comemoração característica com o punho erguido:

+ Veja a posição do seu time no Brasileirão!


“Quando eu comprei uma casa para a minha mãe, em Pelotas, num bairro melhor do que o que a gente vivia, minha mãe estava varrendo a frente da casa, e aí passou uma vizinha, deu bom dia e perguntou: 'Você é a nova empregada da casa?' Aí minha mãe disse que não queria mais morar lá, disse que não era para ela. Eu perguntei o que aconteceu e ela tentou esconder... A gente passa e não adianta se esconder. Eu passei, tu passou, uma moça pode estar passando nesse horário, aí eu falei pra minha esposa: a partir de agora todos os gols que eu fizer, vou levantar o punho, porque vai ser por mim e pelos meus”, afirmou o jogador.

A série “Reflexões” coloca frente a frente grandes nomes do esporte brasileiro com profissionais negros dos meios de comunicação. São cinco capítulos que serão exibidos semanalmente, às terças, na ESPN Brasil, no STAR+ e também no canal do YouTube da ESPN Brasil.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos