Na briga por Libertadores, Juninho Capixaba exalta estilo ofensivo do Fortaleza

Juninho é o melhor passador do Fortaleza no Brasileirão (João Guilherme/MS+)


Vindo de partida onde marcou duas vezes no triunfo diante do Coritiba, pelo Campeonato Brasileiro, o lateral-esquerdo Juninho Capixaba está confiante de que o time do Pici está bastante forte na briga por vaga na próxima edição da Libertadores.

>Corinthians monitora Vojvoda, mas segue priorizando Vítor Pereira

Agora mirando a parte mais alta da tabela, Capixaba destacou o aspecto da confiança existente no elenco sob o comando de Juan Pablo Vojvoda onde, mesmo quando o time viveu a briga para sair da zona de rebaixamento, a ideia era ascender visando o retorno a competição continental:

- O que pra muitos foi uma surpresa, pra nós era algo natural, pois sabíamos das dificuldades que teríamos ao disputar diversas competições na temporada. Isso faz parte do crescimento do clube e o torcedor precisa se acostumar com o Fortaleza como protagonista no cenário nacional. Precisamos manter o clube na disputa das principais competições nacionais e internacionais.

Líder em algumas estatísticas no elenco do Fortaleza pelo Campeonato Brasileiro como passes certos (1001), desarmes (52), cruzamentos (27) e interceptações (28) segundo o 'Footstats', o atleta de 25 anos de idade entende que a característica ofensiva do Tricolor acaba naturalmente o beneficiando:

- Sempre fui um atleta que não foge do jogo e que não tem medo de arriscar. Minhas características permitem que, em determinado momento do jogo, possamos pressionar mais o adversário em busca do gol e isso tem dado certo. Trabalho pela equipe e agradeço aos companheiros por contribuírem com meu crescimento individual.

Para manter a equipe na briga pelo principal torneio de clubes na América do Sul, o próximo desafio da equipe será diante do Palmeiras, no Allianz Parque, às 21h30 (de Brasília) da próxima quarta-feira (2).