Na abertura da quarta fase da Copa do Brasil, Internacional recebe Corinthians como favorito; retorno é de 220%.

Leandro Duarte
Rivalidade entre as duas equipes vem desde os tempos do Brasileirão de 1976, em final vencida pelo Colorado, e passa pelo escândalo do “Apitão” até a decisão da Copa do Brasil de 2009, que teve o Timão como campeão. Há rivalidade de sobra no confronto entre Internacional e Corinthians. Há pouco mais de quarenta anos as disputas entre colorados e mosqueteiros ganharam cada vez mais contornos de revanche.

Rivalidade entre as duas equipes vem desde os tempos do Brasileirão de 1976, em final vencida pelo Colorado, e passa pelo escândalo do “Apitão” até a decisão da Copa do Brasil de 2009, que teve o Timão como campeão.

Há rivalidade de sobra no confronto entre Internacional e Corinthians. Há pouco mais de quarenta anos as disputas entre colorados e mosqueteiros ganharam cada vez mais contornos de revanche. E mais um capitulo do clássico será escrito na quarta fase da Copa do Brasil de 2017, que se inicia nesta quarta-feira (12), às 21h45 (horário de Brasília), quando os gaúchos receberão os paulistas no estádio Beira-Rio. Confira todos os detalhes da partida:

A RIVALIDADE ENTRE INTERNACIONAL E CORINTHIANS

Não é um jogo qualquer e não importa se os atuais atletas de cada elenco não viveram as situações mais agudas da rivalidade. Eles são inflamados por dirigentes e torcedores a conquistarem a vitória sobre o rival custe o que custar. Podemos dizer que o início dessa história foi no Brasileirão de 1976, quando o Inter sagrou-se campeão em cima do Timão – em jogo único, disputado em Porto Alegre, vencido por 2 a 0.

Em 2005, um escândalo extracampo, que ficou conhecido como a Máfia do Apito, manchou o Campeonato Brasileiro daquele ano. Na época, ficou provado que o árbitro Edílson Pereira de Carvalho foi responsável pela manipulação de uma série de resultados. Todos esses confrontos foram anulados e novamente disputados. A repetição das partidas favoreceu o Corinthians, que ficou justamente à frente dos Colorados na classificação final.

Dois anos depois, o Alvinegro de Parque São Jorge foi rebaixado para a Série B e acusou os gaúchos de terem perdido para o Goiás, adversário direto contra a degola, de forma proposital. Em 2009, veio o troco. Na final da Copa do Brasil, o Corinthians de Ronaldo Fenômeno conquistou o tricampeonato contra o Internacional – triunfo por 2 a 0, em São Paulo, e empate em 2 a 2, no Beira-Rio. No mesmo ano, o Colorado disputava o título brasileiro contra o Flamengo, que garantiu o hexa. Na penúltima rodada, em Campinas, os rubro-negros venceram os corinthianos, que jogaram, como se diz na gíria, com o “freio de mão puxado”. Mais motivos para troca de acusações de ambos os lados.

QUARTA FASE DA COPA DO BRASIL DE 2017

Por ironia do destino, hoje, é o Inter que terá que disputar a segunda divisão do Campeonato Brasileiro. Mas nada que se caracterize em uma desvantagem técnica muito grande. Sem falar que o argentino Andrés D'Alessandro, ídolo dos mandantes, estará em campo e já declarou que o Corinthians sempre foi favorecido fora de campo. A expectativa é de que os ânimos fiquem aflorados logo mais em Porto Alegre.

De acordo com os números, o Inter, muito em função do fator casa e da pressão que a torcida local exercerá contra os visitantes, é o favorito para sair na frente no jogo de ida da quarta fase da Copa do Brasil, quando a vitória está cotada em R$ 2,20 sobre cada real, enquanto o triunfo do Timão garante a margem de resgate de 310%. Já o empate, sempre uma opção muito rentável aos investidores, vale R$ 3,05/R$ 1.

DEMAIS APLICAÇÕES RECOMENDADAS

Um confronto morno. É tudo o que não podemos esperar de um duelo entre Inter e Corinthians. É sempre um derby brigado, aberto e quando os dois times se esforçam para demonstrar empenho para quem está nas arquibancadas. Promessa de gols, hoje à noite, no Gigante da Beira-Rio. Como já vimos, o Colorado é favorito. Logo, mostraremos os valores pagos nas margens de gols:

Odds para vantagem de gols do Inter:

Odds em 11 de abril, segundo o Bumbet

  • Vitória por um gol de vantagem: R$ 3,75/R$ 1
  • Triunfo por dois tentos de diferença: R$ 6,50/R$ 1
  • Resultado positivo com três gols de frente: R$ 13,00/R$ 1

Agora, vamos colocar as mesmas situações em benefício dos paulistas:

Odds para vantagem de gols do Corinthians:

Odds em 11 de abril, segundo o Bumbet

  • Vitória por um gol de vantagem: R$ 4,50/R$ 1
  • Triunfo por dois tentos de diferença: R$ 9,00/R$ 1
  • Resultado positivo com três gols de frente: R$ 34,00/R$ 1

E como já abordamos a intensidade que deve pontuar o duelo, a chance de termos alternância de vantagem no marcador é grande. E é possível lucrar com tais previsões. Confira as melhores opções:

Resultado do Primeiro Tempo / Resultado Final

Odds em 11 de abril, segundo o Bumbet

  • Internacional/Internacional – R$ 3,70/R$ 1
  • Internacional/Empate - R$ 15,00/R$ 1
  • Internacional/Corinthians - R$ 34,00/R$ 1
  • Empate/Internacional - R$ 5,25/R$ 1
  • Empate/Empate - R$ 4,35/R$ 1
  • Empate/Corinthians - R$ 7,00/R$ 1
  • Corinthians/Internacional - R$ 29,00/R$ 1
  • Corinthians/Empate - R$ 15,00/R$ 1
  • Corinthians/Corinthians R$ 5,50/R$ 1

Jogos da semana na 4ª fase da Copa do Brasil:

Quarta-feira, 12 de abril:

Odds em 11 de abril, segundo o Bet365

  • (R$ 1,43) Sport x Joinville (R$ 9,00) (Empate R$ 4,50)
  • (R$ 2,30) Internacional x Corinthians (R$ 2,80) (Empate R$ 3,10)
Quinta-feira, 13 de abril:

Odds em 11 de abril, segundo o Bet365

  • (R$ 2,31) São Paulo x Cruzeiro (R$ 3,25) (Empate R$ 3,40)
  • (R$ 2,50) Goiás x Fluminense (R$ 2,62) (Empate R$ 3,00)
  • (R$ 1,71) Vitória x Paraná (R$ 5,15) (Empate R$ 3,90)