"Nós te amamos": torcedores ingleses defendem Rashford após ofensas racistas

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Mural de Marcus Rashford com mensagens de apoio
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

MANCHESTER, Inglaterra (Reuters) - Os torcedores de futebol da Inglaterra saíram em defesa do atacante Marcus Rashford, nesta terça-feira, cobrindo a ofensa racista escrita em um mural em homenagem ao jogador negro em sua cidade-natal com mensagens de amor e apoio ao atleta, que disseram ser um herói e exemplo para a nação.

Os jogadores negros Rashford, de 23 anos, Jadon Sancho, de 21, e Bukayo Saka, de 19, foram alvos de ofensas racistas depois de fracassarem na cobrança de pênaltis contra a Itália que decidiu a final da Euro 2020 no domingo.

Torcedores cobriram o mural de Withington, uma área de Manchester, com centenas de mensagens curtas de apoio a Rashford.

"Nós te amamos!", dizia uma delas. Um coração rosa foi fixado no mural com a simples palavra "herói".

"Você nos defendeu repetidamente, agora é nossa vez de defender você!", dizia outra. Rashford publicou fotos de cartas de crianças que disseram ter orgulho dele.

Rashford, que nasceu em Manchester e foi criado pela mãe solteira na área de Wythenshawe, usa suas experiências de criança que passou fome para fazer campanha para garantir alimentação gratuita para crianças.

"Meu pênalti não foi bom o suficiente, ele deveria ter entrado, mas nunca me desculparei por quem sou e de onde vim", disse Rashford em um comunicado. "Ver a reação em Withington me deixou à beira das lágrimas".

(Por Ed Sykes e Guy Faulconbridge)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos