‘Não tem um pingo de verdade’, fala Casares sobre suposta saída de Rojas

LANCE!
·2 minuto de leitura


Após rumores de que Joao Rojas estaria insatisfeito no São Paulo e teria planos para deixar o clube, o presidente Julio Casares afirmou, durante transmissão ao vivo com o jornalista Jorge Nicola, que os boatos são falsos e que não há ‘um pingo de verdade’ nesta história.


CONFIRA A TABELA ATUALIZADA DO CAMPEONATO PAULISTA DE 2021!

Na live em questão, um dos espectadores de Nicola questionou o executivo sobre um possível desejo de Joao Rojas de deixar o clube. A resposta de Casares foi enfática.

- Agora a atividade do futebol está parada, então surgem assuntos que nós não sabemos de onde ou como surgem, porque não tem nenhum ponto de veracidade. O Rojas está treinando, está treinando bem - afirmou.

O presidente do Tricolor, porém, reconheceu que, ao assumir o clube, não contava com o equatoriano em seu planejamento, mas que as atuações convincentes nos treinamentos mudaram essa realidade.

- É importante salientar que o Rojas, quando nós assumimos, praticamente estava descartado. Nós avaliamos, rodos nós começamos a ver os treinos e, realmente, com o Crespo e já com o Vizolli, ele dava sinais de, no treino, onde ele tinha espaço para movimentação, para a velocidade, ele é um jogador de fundo, um jogador que chega na velocidade, ele começou a mostrar boas funções técnicas, já que na área médica ele estava liberado, até porque estava treinando - comentou Casares sobre a evolução do atleta.

A partir desta evolução, o mandatário do time do Morumbi comentou sobre a parte mais burocrática, envolvendo o contrato de Rojas.

- (Após a melhora) Nós resolvemos prorrogar a situação dele até o Campeonato Paulista e estamos avaliando.

Por fim, Casares tranquilizou o torcedor, afirmando que a relação é boa.

- Ele está feliz, nós estamos felizes com ele, e acredito que, com a performance dele tecnicamente e à nível de saúde, continuando correspondendo, ele terá tudo para continuar fazendo parte do elenco do São Paulo. Não procede essa eventual chateação do Joao Rojas - concluiu Julio Casares.


Com o Paulistão paralisado até, ao menos, o dia 30 de março, o Tricolor segue treinando apenas com os jogadores que receberam menos minutos na última temporada ou que são reservas atualmente. Além desses, jogadores em recuperação ou voltando de tempo afastados, como o Léo, que voltou de um período de isolamento devido à Covid-19, também estão trabalhando.