"Não fiquei desapontado com Ibrahimovic", avisa Mourinho

Técnico do Manchester United insiste que as suas críticas não eram para o atacante sueco, que ficou no banco de reservas contra o Chelsea

Apesar de ter deixado Ibrahimovic no banco de reservas na vitória do Manchester United sobre o Chelsea por 2 a 0 no último domingo (16), o técnico José Mourinho insiste que as críticas direcionadas ao ataque da equipe na Liga Europa na última semana, não tem nada a ver com o sueco.

"Não fiquei desapontado com Ibrahimovic, fiquei desapontado com a equipe. A equipe teve o jogo nas mãos e não matou. Poderíamos disputar um amistoso com o Anderlecht  se tivéssemos vencido por 3 a 0", afirmou.

Questionado sobre a possibilidade de chegar a final da Liga Europa, que será disputada em Estocolmo, o técnico português foi direto.

"Acho que seria o final perfeito para nós. Seria o fim perfeito da temporada, após muitos jogos difíceis. Seria fantástico se Ibra pudesse jogar a final no seu país, seria perfeito, lindo. Mas não mais do que isso", finalizou.

Após empatar o primeiro jogo das quartas de final em 1 a 1 com o Anderlecht, a equipe comandada por Mourinho entra em campo nesta quinta-feira (20), às 16h05 (horário de Brasília), de olho na classificação para a semifinal.