Não deu! Fluminense empata com o Barcelona de Guayaquil e está eliminado da Libertadores

·3 minuto de leitura
GUAYAQUIL, ECUADOR - AUGUST 19: Gonzalo Mastriani of Barcelona SC celebrates after scoring the first goal of his team during a quarter final second leg match between Barcelona SC and Fluminense as part of Copa CONMEBOL Libertadores 2021 at Estadio Monumental Banco Pichincha on August 19, 2021 in Guayaquil, Ecuador. (Photo by Santiago Arcos-Pool/Getty Images)
GUAYAQUIL, ECUADOR - AUGUST 19: Gonzalo Mastriani of Barcelona SC celebrates after scoring the first goal of his team during a quarter final second leg match between Barcelona SC and Fluminense as part of Copa CONMEBOL Libertadores 2021 at Estadio Monumental Banco Pichincha on August 19, 2021 in Guayaquil, Ecuador. (Photo by Santiago Arcos-Pool/Getty Images)

Não deu para o Fluminense. Após o empate por 2 a 2 no Maracanã, o Tricolor ficou no 1 a 1 com o Barcelona de Guayaquil no Estádio Monumental, no Equador, e está eliminado da Libertadores. O gol foi marcado por Mastriani, já no segundo tempo. Fred ainda igualou de pênalti no último minuto. Os equatorianos, que seguem com 100% de aproveitamento em casa, agora enfrentam o Flamengo na semifinal e decidem a vaga para a decisão novamente em seus domínios.

O Flu agora volta as forças para o Campeonato Brasileiro, onde soma quatro derrotas seguidas. Na segunda-feira, enfrenta o Atlético-MG, às 20h, em São Januário. Os mineiros são também os adversários da quinta-feira, quando o Tricolor abre a disputa das quartas de final da Copa do Brasil no Nilton Santos, às 21h30.

Veja todos os confrontos da Libertadores

​FLUMINENSE MELHOR

Pressionado pelas más atuações, o Fluminense entrou em campo com uma formação diferente do normal e também outra postura. Com mais de 70% de posse de bola, o Tricolor dominou os primeiros 45 minutos e fez boa movimentação para encontrar os espaços, mas faltou ser mais incisivo. Em cinco finalizações, foram duas chances perigosas, uma com Samuel Xavier e outra com Paulo Henrique Ganso.

LESÃO IMPORTANTE

A má notícia ficou por conta da lesão de Ganso. Justamente quando criou a melhor chance do primeiro tempo, o meia deu uma bicicleta, mas machucou o braço ao apoiá-lo no chão na hora da queda. Ele deu lugar a Cazares e saiu de campo chorando com o braço imobilizado.

COMEÇOU MAL

Logo aos dois minutos do segundo tempo, Fred pediu pênalti em dividida com Riveros, mas o árbitro mandou seguir. Com a bola rolando, o Fluminense voltou menos ligado e deixou o Barcelona se empolgar, criando chances e dando sustos. O Tricolor ainda perdeu outro jogador lesionado, desta vez Yago Felipe aos 14 minutos, após disputa na área. A partir daí, o que já não funcionava piorou.

COMPLICOU

Com o Barcelona aparecendo bem mais do que no primeiro tempo, Hoyos deu um belo lançamento para Mastriani dominar e bater na saída de Marcos Felipe aos 27 minutos, abrindo o placar para os equatorianos. A zaga não acompanhou e a situação do Fluminense se complicou ainda mais.

NÃO DEU

O Fluminense até tentou, mas, precisando marcar dois gols para se classificar, as jogadas passaram a dar ainda mais errado do que vinham dando. As substituições de Roger Machado surtiram pouco efeito, mas o Flu ainda teve um pênalti a favor já nos acréscimos, aos 51 minutos. Fred foi para a cobrança e empatou o confronto, mas já não havia tempo para a virada.

FICHA TÉCNICA
BARCELONA DE GUAYAQUIL-EQU 1x1 FLUMINENSE

Data/Hora:
19/08/2021, às 21h30
Local: Estádio Monumental de Barcelona, Guayaquil (EQU)
Árbitro: Esteban Ostojich (URU)
Assistentes: Carlos Barreiro e Pablo Llarena (URU)
Árbitro de vídeo: Víctor Carrillo (PER)
Onde assistir: Conmebol TV, Fox Sports e Tempo Real do LANCE!

Gols: Mastriani (27'/2ºT) (1-0), Fred (52'/2ºT) (1-1)
Cartões amarelos: Perlaza, Damián Díaz, Riveros (BSC), Martinelli, Nene, André (FLU)
Cartões vermelhos: -

BARCELONA DE GUAYAQUIL: Javier Burrai, Byron Castillo, Fernando León, Williams Riveros e Mario Pineida; Bruno Piñatares, Nixon Molina (Carcelén - 18'/2ºT), Adonis Preciado (Montaño - 44'/2ºT), Damián Díaz (Garcés - 46'/2ºT) e Jonathan Perlaza (Hoyos - 18'/2ºT); Gonzalo Mastriani (Cortez- 46'/2ºT). Técnico: Fabián Bustos.

FLUMINENSE: Marcos Felipe; Samuel Xavier, Nino, Luccas Claro e Egídio; André, Martinelli (Nene - 30'/2ºT), Yago Felipe (Kayky - 16'/2ºT) e Ganso (Cazares - 41'/1ºT); Luiz Henrique (Abel Hernández - 30'/2ºT) e Fred. Técnico: Roger Machado.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos