Multa rescisória de Domènec Torrent custará quase R$ 12 milhões aos cofres do Flamengo

LANCE!
·1 minuto de leitura


A relação entre Domènec Torrent e o Clube de Regatas do Flamengo chegou ao fim nesta segunda-feira após 98 dias. O catalão foi demitido por opção da diretoria após a acachapante derrota para o Atlético-MG por 4 a 0. Entretanto, ainda há uma pendência entre as partes: a multa rescisória.

De acordo com o "O Dia", a quebra de contrato do treinador custará cerca de 1,8 milhões de euros, algo que gira em torno de R$ 11,4 milhões de reais na atual cotação da moeda.

Além de Domènec, os auxiliares Jordi Guerrero e Jordi Gris, além do preparador físico Julian Jimenez também foram dispensados e deixam o clube da Gávea. O Catalão será substituído por Rogério Ceni, que comunicou sua saída do Fortaleza na noite desta segunda-feira e é aguardado no Rio para acertar com o Flamengo até dezembro de 2021.

Contratado em julho, Domènec Torrent comandou o Flamengo em 24 jogos. Ao todo, ele somou 14 vitórias, quatro empates e seis derrotas, com a equipe marcando 42 gols e sofrendo 36.