Mulher que espalhou notícia falsa de que caixões estavam vazios em BH pede desculpas

Yahoo Notícias
Mulher inventou que caixões estavam sendo enterrados com pedras, em vez de corpos, em Belo Horizonte (Foto: Getty Images)
Mulher inventou que caixões estavam sendo enterrados com pedras, em vez de corpos, em Belo Horizonte (Foto: Getty Images)

A mulher que produziu um vídeo dizendo que caixões estava sendo enterrados com pedras em Belo Horizonte, em meio à pandemia do novo coronavírus, foi identificada pela Justiça de Minas Gerais. Valdete Zanco fez um vídeo, no qual pediu desculpas.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

E nos siga no Google News:

Yahoo Notícias | Yahoo Finanças | Yahoo Esportes | Yahoo Vida e Estilo

“Pedir perdão para o prefeito de BH, para o governador, estado de Minas Gerais e as famílias que se sentiram entristecidas”, disse Valdete no vídeo. Ela ainda se disse arrependida e afirmou que sofreu bastante com o que ocorreu.

A Polícia Civil identificou a responsável e, segundo a Rádio Itatiaia, o delegado responsável pelo inquérito, Wagner Sales, entende que a mulher cometeu crime contra a administração da Justiça. Por isso, ela terá de prestar esclarecimentos para explicar por que fez o vídeo.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

O pedido de desculpas não mudará as investigações, segundo a Polícia Civil. Valdete se apresentou à delegacia de Jacutinga, no sul do estado, na última terça-feira, 6. Ela afirmou que o vídeo foi postado de um grupo de whatsapp da família e não sabe como o conteúdo viralizou.

Leia também

Siga o Yahoo Notícias no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.

Leia também